Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

#SanatórioGeral: Disputa acirrada

Gleisi disputa com Nicolás Maduro o título de político latino-americano mais doidão do momento

Por Augusto Nunes - 8 fev 2019, 20h59

A perseguição a Lula não para. Uma segunda condenação a jato foi proferida, exatamente quando cresce a possibilidade de Lula ser Nobel da Paz. Na memória do povo e na história, Lula será sempre maior do que seus carrascos #LulaLivre”. (Gleisi Hoffmann, presidente do PT, no Twitter, revelando que o novo complô contra Lula surgiu para impedir o ex-presidente presidiário de ganhar um Nobel da Paz para o qual ele ainda não foi sequer indicado, disputando com Nicolás Maduro o título de político latino-americano mais doidão do momento)

Publicidade