Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

#SanatórioGeral: Cabeça baldia

Dilma Rousseff louva o protagonismo mundial que Lula jurou existir e só a companheirada acreditou

Por Augusto Nunes Atualizado em 25 dez 2020, 10h51 - Publicado em 24 dez 2020, 17h20

“O Brasil saiu de uma postura protagonista que tinha nas épocas do presidente Lula e da minha, em que nós tínhamos, de fato, um posicionamento em relação à participação e à posição do Brasil”. (Dilma Rousseff, reaparecendo no palco para evocar um protagonismo mundial que só existiu no palavrório de Lula e na cabeça baldia da sucessora)

Publicidade