Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Neurônio avariado

“Eu, aliás, tinha que ter começado cumprimentando o governador Camilo, mas o motivo pelo qual eu não o cumprimentei, é porque eu estou com ele há mais de três horas. E daí, então ficaria muito estranho que eu o cumprimentasse. E, também, através de link com o prefeito, nosso querido e simpático prefeito”. Dilma Rousseff, […]

Por Augusto Nunes Atualizado em 31 jul 2020, 00h33 - Publicado em 5 set 2015, 20h28

“Eu, aliás, tinha que ter começado cumprimentando o governador Camilo, mas o motivo pelo qual eu não o cumprimentei, é porque eu estou com ele há mais de três horas. E daí, então ficaria muito estranho que eu o cumprimentasse. E, também, através de link com o prefeito, nosso querido e simpático prefeito”.

Dilma Rousseff, durante encontro com empresários em Fortaleza, explicando que não cumprimenta gente que já cumprimentou porque isso seria tão estranho quanto misturar na mesma frase um link secreto e um simpático prefeito cujo nome esqueceu.

Publicidade