Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Esse merece

“Foram 30 ou 40 anos de abandono. Em sete anos avançamos muito, mas ainda temos muito o que fazer”. Sérgio Cabral, governador do Rio, sobre os deslizamentos de terra e inundações que deixaram milhares de desabrigados, implorando pela imediata retomada das manifestações diárias diante do prédio onde mora.

Por Augusto Nunes Atualizado em 31 jul 2020, 04h48 - Publicado em 14 dez 2013, 07h03

“Foram 30 ou 40 anos de abandono. Em sete anos avançamos muito, mas ainda temos muito o que fazer”.

Sérgio Cabral, governador do Rio, sobre os deslizamentos de terra e inundações que deixaram milhares de desabrigados, implorando pela imediata retomada das manifestações diárias diante do prédio onde mora.

Publicidade