Clique e assine a partir de 9,90/mês
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Autocrítica é isso aí

Renan reconhece que um presidente do Senado não pode fazer o que fez, faz e, se deixarem, continuará a fazer

Por Augusto Nunes - Atualizado em 7 fev 2017, 10h39 - Publicado em 25 nov 2016, 07h03

“Nenhum agente do estado está autorizado a usar suas atribuições legais para ofender, humilhar, agredir quem quer que seja. Não há poder sem limite”. (Renan Calheiros, presidente do Senado, o mesmo que chamou um juiz de primeira instância de ‘juizeco‘, revelando os motivos pelos quais deve ser afastado do cargo que exerce)

Publicidade