Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

As siglas dos partidos abreviam tudo

Temos mais de trinta partidos. Nove deles têm “Social” ou “Socialista” no nome, e dois têm “Cristão”. Seis têm “democrático”, “democrata ou “democracia”

Deonísio da Silva

Os partidos políticos são conhecidos por siglas, mas o que suas letras nos dizem e abreviam?

O berço das palavras pode jogar outras luzes sobre esta sopa de letras antes que alguns deles cheguem ao túmulo, onde jazem os antigos PSD, PTB, AIB, ANL etc. Aliás, etc poderia ser também nome de partido, uma vez que é abreviação do Latim et cetera (e outras coisas).

Como se vê, siglas não faltam e algumas delas foram para os dicionários como palavras, como é também o caso de laser, sigla do Inglês light amplification by stimulated emission of radiation (amplificação da luz por emissão estimulada de radiação).

Como se vê, a sigla é mais simples do que o conjunto das palavras e sua função é esta mesma, simplificar. Sigla veio do Latim vulgarsigla, mais falado do que escrito,  já uma redução de singulae litterae (letras sozinhas), como eram chamadas as abreviações no Latim culto, mais escrito do que falado.

Sigla formou-se, então, do modo de se dizer abreviado singulae litterae. De resto, lembremos que dicionário também veio do Latim dicitionarium, cujo étimo indica que ali está registrado o modo de dizer, do Latim dicere. Dicere, dizer, tinha também o significado de mostrar, desenhar,  escrever. Assim, juiz, do Latim judice, é aquele que diz o direito, jus dicere, dizer o direito, que, como também se sabe, às vezes não é direito nem justo, é o torto autorizado.

Abreviar, o modo de fazer siglas,  veio do Latim tardio abbreviare, verbo formado de brevis, breve, curto, de que é exemplo breviário, originalmente livro de orações, salmos e antífonas rezados todos os dias pelos sacerdotes católicos, em determinadas horas. Depois passou a designar, por causa deste costume eclesiástico, livro preferido, muito lido ou muito consultado.

Já partido, do particípio de partir, do Latim partire, tem, respectivamente, o significado de dividido e dividir. Em síntese, designa grupo que reúne pessoas que se separam, daí o nome, partido, e propõem governar e legislar de outro modo, uma vez que só votamos para o Executivo e para o Legislativo. No Judiciário, os cargos são ocupados por concurso, exceto nas altas esferas, como no caso do STF, onde pode ser juiz quem não fez concurso algum ou foi até reprovado nas esferas inferiores. Mas daí não é juiz, é ministro!

Proclamada a República em 1889, o PRP (Partido Republicano Paulista) e o PRM (Partido Republicano Mineiro) pareciam querer a mesma coisa, a república, mas, como na culinária, servindo o prato à moda paulista ou à moda mineira, alternadamente, por acordo. Foi a famosa  política do café com leite, em que os paulistas entravam com o café, e os mineiros com o leite.

Dito isto, dos partidos que vão disputar as próximas eleições, a menos de três meses, um tempo breve para todos nós, mas longo para quem é candidato, alguns deles não têm a palavra partido no nome, nem o tradicional P na sigla.

Temos mais de trinta partidos. Nove deles têm “Social” ou “Socialista” no nome, e dois têm “Cristão”. Seis deles têm “democrático”, “democrata ou “democracia”. São nove também os que têm “Brasil”, “Brasileiro”ou “Brasileira” no nome. Mais de vinte deles têm “partido” no nome. Apenas oito não se declaram explicitamente “partidos”.

O nome dos Partidos talvez não interesse tanto aos eleitores, que olham mais para a figura principal de cada um deles, aquele que personifica os projetos do Partido.

Talvez, por isso mesmo, nem sequer prestem atenção ao que dizem ou podem dizer as siglas.

Quem vai ganhar as próximas eleições? As pesquisas de opinião só podem medir o que as pessoas dizem, mas desta vez pode ser que elas não estejam dizendo, como sempre disseram, em quem vão votar.

*Deonísio da Silva
Diretor do Instituto da Palavra & Professor
Titular Visitante da Universidade Estácio de Sá
http://portal.estacio.br/instituto-da-palavra

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s