Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

As fotos de Maluf informam: medo de cadeia e safadeza envelhecem

Há menos de três meses, um animado Maluf distribuía abraços sorrisos enquanto desfilava na sessão da CCJ que barrou a denúncia contra Temer

Por Branca Nunes Atualizado em 20 dez 2017, 20h11 - Publicado em 20 dez 2017, 19h22

Aos 86 anos, o deputado federal Paulo Maluf, do PP paulista, estava em boa forma física e mental até o começo desta semana. As passadas firmes, a postura ereta, a memória excelente ─ esses e outros sintomas de boa saúde reiteravam que o ex-prefeito da capital e ex-governador do Estado sempre soube cuidar de si mesmo. Foi esse Maluf que, em 17 de outubro, na sessão que barrou a segunda denúncia contra Michel Temer, circulou entre os colegas da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara.

Deputado Paulo Maluf durante a sessão CCJ da Câmara dos Deputados que barrou a segunda denúncia contra Michel Temer, em 17 de outubro de 2017 (Wilson Dias/Agência Brasil) Wilson Dias/Agência Brasil

Ao saber que seria instalado numa cadeia para começar a cumprir a pena confirmada pelo ministro Edson Fachin de sete anos, nove meses e dez dias de prisão em regime inicial fechado, por lavagem de dinheiro, Maluf achou melhor posar para as câmeras dos fotógrafos um pouco diferente. O personagem que se apresentou à superintendência da Polícia Federal em São Paulo nesta quarta-feira chegou amparado por dois policiais e apoiado numa bengala. O tronco curvado e os olhos comprimidos por trás das lentes de garrafa completaram a imagem do ancião abandonado. A comparação das fotos informa: medo de cadeia e safadeza envelhecem.

O deputado Paulo Maluf
O deputado Paulo Maluf é preso e conduzido para exame de corpo de delito no IML da Vila Leopoldina, zona oeste de São Paulo. O deputado federal, Paulo Maluf (PP-SP) se entregou à Policia Federal, em São Paulo – 20/12/2017 Tiago Queiroz/Estadão Conteúdo
Publicidade