Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

A candidata à reeleição é o tema do rock de Luiz Trevisani: ‘Um poste em queda livre’

Veja a letra completa na seção Feira Livre.

Por Augusto Nunes Atualizado em 31 jul 2020, 03h37 - Publicado em 23 jun 2014, 19h39

[soundcloud url=”https://api.soundcloud.com/tracks/155573143″ params=”color=ff5500&auto_play=false&hide_related=false&show_artwork=true&show_comments=true&show_user=true&show_reposts=false” width=”100%” height=”166″ iframe=”true” /]

Veja a letra completa na seção Feira Livre.

UM POSTE EM QUEDA LIVRE

Toda vez que eu vou pro palanque
O povo vaia e eu não consigo falar
Ninguém mais acredita em mim
Até o chefe tá querendo voltar
É todo dia uma pesquisa ruim
Assim eu vou afundar

Que hora mais ingrata pra voltar a inflação
Ficou muito mais difícil enganar o povão
Eu tô em queda livre, vou direto pro chão
Eu acho que eu não chego até a próxima eleição

Já não basta a direita golpista
O fogo amigo tá rolando com tudo
Me detonam, me xingam sem dó
Nessas horas todo mundo é bocudo
Se em outubro eu perder a disputa
Eu vou tomar uns cascudo

Que hora mais ingrata pra voltar a inflação
Ficou muito mais difícil enganar o povão
Eu tô em queda livre, vou direto pro chão
Eu acho que eu não chego até a próxima eleição

Continua após a publicidade
Publicidade