Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.
Alberto Carlos Almeida Por Coluna Opinião política baseada em fatos

Uma maneira chocante de ver a desigualdade no Brasil

Uma maneira de se educar para combater a desigualdade de renda no Brasil: olhar como seríamos se o território fosse distribuído tal como a renda

Por Alberto Carlos Almeida - Atualizado em 12 nov 2019, 17h29 - Publicado em 12 nov 2019, 17h25

Se o território do Brasil fosse distribuído como a renda — e se fossem apenas 100 habitantes —, um deles seria dono de toda a Região Sul, São Paulo, Rio de Janeiro e Espírito Santo. Quatro seriam proprietários das terras correspondentes à Bahia, Minas Gerais e Goiás, incluindo o Distrito Federal. Outros 45 seriam donos das áreas do Tocantins, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e os demais estados da Região Norte, com exceção de uma parte do Pará. Os 50 brasileiros mais pobres ficariam com todo o Nordeste, excetuando-se a Bahia e uma outra parte do Pará. A visualização é chocante.

Fonte: PNAD2015

Fonte: PNAD2015 Alberto Carlos Almeida/.

Publicidade