Por que a compra da Beats foi um ótimo negócio para Apple

Em sua maior aquisição da história, Apple renova forças no mercado de música e estabelece novas alianças para trazer mais entretenimento aos usuários

A compra da fabricante de fones Beats Electronics foi a maior aquisição da sua história: 3 bilhões de dólares. É o maio valor pago pela empresa desde a compra da NeXT, empresa fundada por Steve Jobs no período em que ele foi afastado da direção da Apple. Na ocasião, foram pagos 400 milhões de dólares pelo sistema operacional desenvolvido pela empresa – que é a base do sistema operacional Mac OS até hoje.

Leia também:

Com compra da Beats, Apple pode renovar seu modelo de venda de música

Fone de ouvido, o acessório que faz a cabeça de muita gente

A aquisição da Beats incorpora vantagens competitivas no modelo de negócios de música da Apple, que ficou ultrapassado. Iniciativas próprias, como a iTunes Radio, não deram certo. O negócio vai ajudar, por exemplo, a empresa a ter um relacionamento mais próximo a artistas e gravadoras. Confira abaixo os principais ganhos da Apple com a compra da Beats: