Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Tillerson diz que EUA continuarão a reduzir emissões de gases

O secretário de Estado americano havia defendido a permanência do país no Acordo de Paris

O secretário de Estado americano Rex Tillerson relativizou o abandono do Acordo do Clima de Paris e afirmou, nesta sexta-feira, que os  Estados Unidos manterão os esforços para reduzir as emissões de gases de efeito estufa. Tillerson chamou a posição do presidente Donald Trump de “política” e afirmou esperar que as pessoas possam manter a decisão “em perspectiva”.

“Eu acho que é importante que todos reconheçam que os Estados Unidos têm um ótimo histórico na redução de nossas próprias emissões de gases de efeito estufa. É algo que podemos nos orgulhar e isso foi feito na ausência do Acordo de Paris”, disse. “Eu não acho que vamos mudar nossos esforços contínuos para reduzir essas emissões no futuro.”

Antes de assumir o Departamento de Estado, Tillerson  era presidente da gigante petroleira ExxonMobil, que prometeu reduzir as emissões de carbono, mesmo na ausência de um acordo.

O secretário foi contrário à decisão de Trump. Tillerson teria defendido a permanência do Estados Unidos no acordo, de modo a conservarem uma posição na mesa internacional de negociações sobre como lidar com a mudança do clima, segundo a imprensa americana.

Relações com Brasil

O secretário americano se reuniu nesta sexta-feira com o ministro de Relações Exteriores brasileiro, Aloysio Nunes Ferreira. De acordo com informações do Itamaraty, a conversa foi voltada para questões comerciais entre os dois países.  As declarações de Tillerson sobre o Acordo de Paris foram feitas a repórteres antes do encontro com o chanceler brasileiro.

 

(com agências internacionais)

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Demetrius Assucena

    Está na hora de trocar o Secretário.

    Curtir