Irã proíbe cortes de cabelo ‘satânicos’ e depilação de sobrancelhas

Tatuagens e bronzeamentos artificiais também foram banidos para homens

Cortes de cabelo considerados não ortodoxos, depilação de sobrancelhas, tatuagens e bronzeamento artificial estão proibidos para homens iranianos, segundo informação divulgada nesta segunda-feira pela imprensa do país persa. Cortes e penteados no estilo ‘espetado’, apreciados pelos mais jovens, são considerados “ocidentais”, “não islâmicos” e com simbologias ligadas ao “culto ao demônio”.

“Penteados de adoradores satânicos estão vetados a partir de agora”, disse Mostafa Govahi, chefe do sindicato dos barbeiros iranianos, à agência local Isna. Segundo ele, quem desrespeitar a determinação terá a licença revogada.

Ele acusou barbeiros que trabalham sem autorização de oferecerem cortes do estilo agora banido. “Eles foram identificados e terão de arcar com as consequências”. As transgressões são tidas como “violações às regulamentações islâmicas”.

Leia também:

ONU: Irã arma rebeldes houthis do Iêmen desde 2009

Marinha dos EUA vai escoltar navios após Irã apreender cargueiro

(Da redação)