Diretor de comunicação da Casa Branca renuncia ao cargo

Especula-se que podem haver outras mudanças na estratégia comunicativa do governo americano, devido à polêmica investigação russa

O diretor de comunicações da Casa Branca, Mike Dubke, renunciou nesta terça-feira ao cargo, após semanas de especulações sobre a possibilidade de mudança na estratégia comunicativa do governo devido à polêmica investigação russa.

Reconhecido estrategista republicano, Dubke apresentou sua renúncia em 18 de maio, mas se ofereceu a continuar dirigindo as comunicações da Casa Branca até que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, encerrasse sua primeira viagem ao exterior, segundo o jornal The Washington Post.

Trump voltou no sábado a Washington, momento de especial ebulição na investigação aberta pelo Congresso e pelo FBI para determinar se a inteligência russa interferiu no resultado das eleições presidenciais de 2016 e se existiu coordenação com a campanha de Trump.

Ainda não se sabe ao certo quando Mike Dubke deixará o cargo, mas é provável que seu último dia seja nesta terça-feira, quando ele deve encontrar os funcionários da área de comunicação da Casa Branca para uma última reunião.

(Com EFE)