Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Autor de explosão na Alemanha era sírio que teve asilo negado

O homem se suicidou e deixou 15 feridos ao detonar explosivos na cidade de Ansbach, na região da Baviera

O responsável pela explosão que deixou 15 feridos em Ansbach, na Alemanha, na noite de domingo, era um refugiado sírio de 27 anos, que teve sua solicitação de asilo no país negada no ano passado. O homem, que morreu durante o ataque, detonou explosivos próximo a entrada de um festival de música que atraiu 2 mil pessoas.

Pouco após as 22h (no horário local, 17h no horário de Brasília), o homem tentou entrar no evento, mas não conseguiu, segundo relato do ministro do Interior da Baviera, Joachim Herrmann. Investigadores acreditam que foi neste momento que ele detonou a bomba, matando a si mesmo e deixando três pessoas em estado grave. Segundo autoridades alemãs, no entanto, nenhum dos feridos corre risco de morte.

De acordo com Herrmann, o sírio havia chegado à Alemanha há dois anos e pediu asilo no país. O pedido foi rejeitado, porém, ele não chegou a ser deportado devido à guerra civil na Síria. O responsável pelo ataque já era conhecido da polícia e havia sido tratado em um hospital psiquiátrico em duas ocasiões após tentar cometer suicídio.

Leia também:
Explosão mata um e deixa 12 feridos na cidade alemã de Ansbach
Autor de matança em Munique preparou ataque por um ano
Refugiado sírio é preso na Alemanha após matar uma mulher

Nesta segunda-feira, o ministro do Interior da Baviera afirmou que o sírio gravou um vídeo em seu celular jurando aliança ao grupo extremista Estado Islâmico (EI). Uma tradução inicial da mensagem mostra que ele pretendia fazer um “ataque de vingança”, o que sugere fortemente que a explosão seja um atentado terrorista. A agência de notícias do grupo, Amaq, também afirmou hoje que o homem “realizou a operação em resposta a pedidos de atacar países da coalizão que luta contra o EI”.

O caso em Ansbach foi o quarto ato de violência de grande repercussão registrado na Alemanha ao longo de uma semana e o terceiro envolvendo um imigrante em busca de asilo.

(Com EFE e Estadão Conteúdo)

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Roberto Flores Martins

    Alemães otários! Acolhem refugiados muçulmanos e eles respondem com terrorismo descarado! O pensamento politicamente correto deixou o alemão mais pirado do que no tempo do nazi fascismo!

    Curtir