José Loreto presta queixa após vazamento de vídeo íntimo

Ator esteve na tarde desta segunda-feira na Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI), no Rio de Janeiro

José Loreto prestou queixa na tarde desta segunda-feira na Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI), no Rio de Janeiro, pelo uso indevido de sua imagem em um vídeo íntimo que circulou no domingo na internet. O ator foi acompanhado de seu advogado, Ricardo Brajterman. “O ator e sua assessoria lamentam o ocorrido e esperam que os culpados sejam punidos no rigor da lei. Ademais, reservam-se ao direito de não mais comentarem sobre o assunto”, diz comunicado enviado por sua assessoria de imprensa.

Neste domingo, Loreto se pronunciou sobre o assunto em seu perfil no Instagram, afirmando que o vídeo foi gravado há dez anos e sem sua permissão. “Infelizmente, nas últimas horas, fui pego de surpresa ao ver minha intimidade exposta em um vídeo feito aproximadamente há dez anos e gravado sem a minha permissão, obviamente sem a mesma para sua divulgação”, disse. “A divulgação de vídeos íntimos não autorizados além de CRIME, são tristes porque afetam as vítimas e também suas famílias e as consequências muitas vezes podem ser devastadoras”. O ator é casado com a atriz Débora Nascimento.