Polícia vê ação de marketing em sumiço de jovem no Acre

Segundo delegado, um contrato que dividia o faturamento da venda dos livros de Bruno Borges foi registrado em cartório no mesmo dia em que ele desapareceu

A Polícia Civil do Acre disse ter encontrado “fortes indícios” de que o desaparecimento do jovem estudante Bruno Borges, de 25 anos, tenha sido uma ação de marketing para impulsionar a divulgação de livros de sua autoria. O departamento de inteligência da corporação informou que, no mesmo dia em que o rapaz desapareceu, foi registrado em Rio Branco um contrato que tratava do faturamento de obras dele.

O “Contrato de Sociedade no Projeto Enzo com o Lançamento de 14 Obras” foi lavrado no dia 27 de março, no Primeiro Tabelionato de Notas e firmado com Marcelo de Souza Ferreira, amigo de Bruno. O documento define que haveria benefício de 15% do faturamento bruto do “Projeto Enzo” e das “14 literaturas iniciais”.

Em entrevista realizada nesta quarta-feira, o chefe do Departamento de Inteligência, delegado Alcino Júnior, afirmou que “havia uma combinação para a publicação das obras”. O delegado classificou como “fortes” os indícios do afastamento voluntário de Bruno, que teria servido para dar publicidade aos livros. O amigo do estudante Marcelo foi detido por ter dado falso testemunho à polícia.

A mãe do jovem desaparecido, a empresária Denise Borges, refuta a ideia de que o sumiço do filho seja uma “jogada de marketing”. “Eu sou a única pessoa que li os quatro livros. Não se trata de uma jogada de marketing. Eu já sabia da existência dos contratos. Aqueles meninos ajudaram o Bruno”, disse a mãe. Denise também confirmou o lançamento do primeiro livro em breve.

“Qual o problema ele fazer um contrato para ajudar amigos que o ajudaram? O problema é que sempre tentam encontrar um meio pra prejudicar a imagem de alguém de bem”, disse a irmã de Bruno, Gabriela Borges, em uma rede social.

Quarto "Menino do Acre"

Escritos encontrados nas paredes do jovem (Reprodução/Twitter)

(Com Estadão Conteúdo) 

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. PRENDAM A FAMILIA E OAS AMIGOS E ESSE VAGABUNDO BRUNO

    Curtir

  2. Rodson Layne Luiz Barbosa

    Será que há algo nesse país que possua um traço ou sintoma de malandragem!?!?!? Como já perguntavam há tempos atrás, “que país é esse???”….

    Curtir

  3. Rodson Layne Luiz Barbosa

    Será que há algo, nesse país, que NÃO possua um traço ou sintoma de malandragem!?!?!? Como já perguntavam há tempos atrás, “que país é esse???”….

    Curtir

  4. Rodson Layne Luiz Barbosa

    NÃO

    Curtir

  5. Se, pelas fotos, isto não é ação de Marketing, lamento dizer que o tal “menino do Acre” sofre de Esquizofrenia Crônica. A qualquer momento ele pode ter um surto psicótico severo e podendo injuriar outras pessoas que estejam ao seu alcance.

    Risperidona é pouco pra um sujeito desses agora.

    Curtir

  6. Se, pelas fotos, isto não é ação de Marketing, lamento dizer que o tal “menino do Acre” sofre de ESQUIZOFRENIA CRONICA.

    A qualquer momento ele pode ter um surto psicótico severo e podendo injuriar outras pessoas que estejam ao seu alcance.

    Puuutzzz… dou razão pro Rodson, nada aqui que roda nesse país é honesto.

    Curtir

  7. Raimundo Lulo

    mais uma vez a ateuzada foi feita de trouxa HAHAHHAHA

    Curtir

  8. RUBEN DARIO SERRANO

    Ser caipira pobre e burro e complicado nesee fim de mundo. O cara e um doente mental mas td mundo acha q e um genio.

    Curtir