Juíza suspende decreto inconstitucional de Dilma que nomeou ministro da Justiça

É o certo. Ela afronta o Artigo 128 da Constituição Federal. A juíza atendeu a uma Ação Popular protocolada pelo deputado Mendonça Filho (DEM-PE)

Lembram-se de Wellington César, o ministro inconstitucional da Justiça. Pois é… A juíza federal Solange Ramos de Vasconcelos, da 1ª Vara Federal do Distrito Federal, concedeu liminar para suspender a sua nomeação para o Ministério da Justiça.

É o certo. Ela afronta o Artigo 128 da Constituição Federal. A juíza atendeu a uma Ação Popular protocolada pelo deputado Mendonça Filho (DEM-PE).

Já há uma outra ação no Supremo contra a nomeação. Segundo a Constituição, membros do Ministério Público que entraram na carreira depois de 1988 podem prestar serviço apenas a órgãos do próprio MP ou atuar no magistério.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s