Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Investigação sobre omissões de Joesley podem ir para 1ª instância

Executivos investigados não têm foro privilegiado

Um grupo de procuradores da PGR lembra que Joesley Batista, Francisco de Assis e Ricardo Saud –  enfim, a cúpula da J&F –  não têm foro privilegiado.

Isso significa o seguinte: ninguém se surpreenda se o inquérito aberto por ordem da ministra Cármen Lucia para investigar as suspeitas de omissão na delação dos executivos seja remetido à 1ª instância.

A outra possibilidade, claro, é a apuração ser tocada pela própria PGR, com quem o acordo foi fechado. Atualmente, o material que embasa a apuração está nas mãos da Polícia Federal.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s