Facção que matou 60 presos compra armas de grupo aliado do PT

Blog relembra relação de petistas com as Farc à luz do massacre em Manaus

1.

O Ministério Público Federal revelou que a FDN (Família do Norte) tem “conexões estreitas” com as Farc (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia).

Isto significa que, com ajuda de intermediários, a facção criminosa que matou 60 presos em Manaus compra drogas e armas pesadas como fuzis AK-47 e submetralhadoras Uzi do grupo narcoterrorista historicamente aliado do PT.

Oh, supresa…

O peruano Nelson Flores Collantes, conhecido como “Acuario”, é apontado pelas investigações como um dos elos da FDN com as Farc, sobretudo com o braço da organização no Peru. Para o MPF, a “proximidade de Acuario” com as Farc “facilitou seu acesso a diversos armamentos” vendidos a integrantes da FDN.

Além disso, o traficante comercializava cerca de 400Kg de cocaína por mês das Farc e fazia “remessa internacional para o território brasileiro”.

Após o massacre, como este blog comentou, Frei Betto publicou artigo no Globo lamentando o “preconceito étnico” e “de classe” contra presos no Brasil, cujas mortes não comovem a população como as de qualquer cidadão de bem.

Em agosto de 2003, Betto foi apontado em entrevista dada à Folha pelo então número 2 das Farc, Raúl Reyes, como um dos contatos das Farc dentro do PT.

Betto vai lamentar também os contatos da FDN?

2.

Vale a pena lembrar e comentar mais uma vez o trecho principal daquela entrevista:

“Folha – O sr. conheceu Lula?

Reyes – Sim, não me recordo exatamente em que ano, foi em San Salvador, em um dos Foros de São Paulo.”

Este blog recorda o ano. Foi na edição de 1996 do Foro de São Paulo, o congresso anual de esquerda criado em 1990 por Lula e José Dirceu em parceria com o Partido Comunista do ditador cubano Fidel Castro.

Quando Reyes morreu bombardeado pelo Exército colombiano em 1º de março de 2008, o ditador da Venezuela Hugo Chávez confirmou na prática o episódio, contando na TV que conheceu Reyes e Lula naquela mesma edição do Foro em San Salvador. Confundiu apenas o ano, citando 1995 em lugar de 1996. O vídeo segue disponível e pode ser assistido aqui.

“Folha – Houve uma conversa?

Reyes  Sim, ficamos encarregados de presidir o encontro. Desde então, nos encontramos em locais diferentes e mantivemos contato até recentemente. Quando ele se tornou presidente, não pudemos mais falar com ele.”

No poder, como mostra a Lava Jato, Lula sempre contou com emissários para contatos menos nobres, que não pegariam bem para a sua imagem.

“Folha – Qual foi a última vez que o sr. falou com ele?

Reyes – Não me lembro exatamente. Faz uns três anos.

Folha – Fora do governo, quais são os contatos das Farc no Brasil?

Reyes – As Farc têm contatos não apenas no Brasil com distintas forças políticas e governos, partidos e movimentos sociais. Na época do presidente [Fernando Henrique] Cardoso, tínhamos uma delegação no Brasil.

Folha – O sr. pode nomear as mais importantes?

Reyes – Bem, o PT, e, claro, dentro do PT há uma quantidade de forças; os sem-terra, os sem-teto, os estudantes, sindicalistas, intelectuais, sacerdotes, historiadores, jornalistas…

Folha – Quais intelectuais?

Reyes – [O sociólogo] Emir Sader, frei Betto [assessor especial de Lula] e muitos outros.”

Betto, aparentemente, era o emissário de Lula no eventual contato com as Farc.

3.

Em março de 2008, quase cinco anos depois daquela entrevista, o assessor especial do então presidente Lula para Assuntos Internacionais, Marco Aurélio Garcia, declarou ao jornal Le Fígaro:

“Eu lhes lembro que o Brasil tem uma posição neutra sobre as Farc: nós não as qualificamos nem de grupo terrorista nem de força beligerante. Acusá-las de terrorismo não serve pra nada quando a gente quer negociar.”

Era verdade, afinal o PT “negociava” com as Farc a conquista do poder na América Latina em assembleias secretas do Foro de São Paulo.

(Isto sem contar o refúgio político concedido por Lula ao padre Olivério Medina, o “Camilo”, embaixador das Farc no Brasil, e a boquinha na Secretaria da Pesca concedida por Dilma Rousseff à esposa dele, Angela Maria Slongo, a “Mona”.)

No computador de Reyes, segundo a revista colombiana Cambio, ainda foram encontrados e-mails com menção a Garcia.

Curiosamente, os petistas que lamentam o massacre em Manaus jamais lamentaram a posição “neutra” – para não dizer cúmplice – do governo do PT em relação às Farc, fornecedoras (traficantes) de drogas e armas à FDN.

4.

Antes de se deixar cooptar como “suposto jornalista” (nas palavras do juiz Sérgio Moro) a serviço do PT no site Brasil 247, vulgo Brasil 171, até Leonardo Attuch, então repórter da IstoÉ, chegou a denunciar, naquele mesmo mês de março de 2008, o vínculo do suposto partido com os narcotraficantes das Farc:

“Em 1996, a empreiteira Andrade Gutierrez construía uma grande hidrelétrica nos Andes quando dois de seus engenheiros, Eduardo Batista e Demétrio Duarte, foram seqüestrados pelas Farc (…). A empresa acionou o Itamaraty, tudo foi tentado pelas vias diplomáticas, mas os dois brasileiros continuaram em poder dos guerrilheiros durante 207 dias. Só saíram do cativeiro depois que um novo ator entrou em cena: o Partido dos Trabalhadores. Por meio de ‘negociadores’ indicados pelo PT, a Andrade Gutierrez pagou um resgate milionário, o dinheiro foi transportado em malas para a selva amazônica e os engenheiros regressaram ao Brasil.”

Fofo, não?

5.

Agora o UOL resume a atuação dos narcoterroristas, obviamente sem citar o PT:

“A parceria entre as Farc e facções criminosas no Brasil é antiga. Durante décadas, a guerrilha foi apontada como fornecedora de armas e drogas para quadrilhas ligadas ao tráfico de entorpecentes no Brasil. A parceria mais conhecida é a aliança entre a chamada ‘Frente Primeira’ das Farc e o Comando Vermelho, facção com a qual a FDN está associada.

Apesar de as Farc e o governo colombiano terem anunciado um acordo de paz nos últimos meses, dissidentes da guerrilha ligados à ‘Frente Primeira’, que atuaria em boa parte da fronteira do Brasil com a Colômbia, se recusaram a aceitar os termos do acordo.”

Este blog prefere resumir assim a atuação geral que avacalhou as fronteiras brasileiras:

Felipe Moura Brasil ⎯ http://veja.abril.com.br/blog/felipe-moura-brasil

Siga no Twitter, no Facebook e na Fan Page.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. cacarolos Souza

    Este Frei Beto vai continuar suas mentiras na imprensa brasileira? Não passa de um comunista, adorador de Fidel Castro, puxa-saco deste ditador, e que só encontra guarida na Folha de São Paulo ( por que será?)

    Curtir

  2. Esse Betto não é nem frei nem comunista, é apenas mais um vagabundo do PT.

    Curtir

  3. Não houve um grupo terrorista sequer que não tenha recebido treinamento, dinheiro e armas enquanto Fidel Castro esteve de fato no poder. A derrocada começou com a queda da União Soviética, que cessou a ajuda financeira para Castro. Para suprir isso e continuar no poder, os Castro apelaram para o tráfico de drogas e armas, logo nada melhor que ter um fornecedor de confiança – FARC. Logo entra em cena Hugo Chávez que supre a ilha de petróleo e grana, Castro abandona os narcotraficantes e junto com Lula criam o Foro de São Paulo, o resto todos já sabemos o que aconteceu….

    Curtir

  4. Geroldo Zanon

    O PT é pior do que as FARC do que o PCC

    Curtir

  5. Quem dá bandidagem, não estão aliados a esses canalhas?…affffffff

    Curtir

  6. Quem dá bandidagem, não estão aliados a esses canalhas?…affffffff

    Curtir

  7. Jocinal Mattos

    São MORTOS DIARIAMENTE no BRASIL 154 CIDADÃOS/DIA ou 60.000 BRASILEIROS/ANO, ou seja, um MARACANÃ lotado de BRASILEIROS/ANO são EXTERMINADOS e nunca o PAPA, a IGREJA CATÓLICA, a ONU se PRONUNCIARAM sobre esta CARNIFICINA DIÁRIA de BRASILEIROS!
    Então o estado por NÃO OFERECER SEGURANÇA aos BRASILEIROS, partindo deste PRESSUPOSTO, terá que INDENIZAR CADA FAMÍLIA QUE PERDE SEU ENTE POR INSEGURANÇA PUBLICA!!!!

    Querem CRIAR COMOÇÃO por LIXO HUMANO!!!!

    O nosso instrumento como BRASILEIROS é continuar incessante na PRESSÃO POPULAR contra este ESTADO DE DETERIORAÇÃO POLÍTICO/PARTIDÁRIA no qual vivemos!!!!!

    CHEGA!!!!!

    Curtir

  8. CARLOS E. S. GUEDES

    Lamento terem sido somente 56. Melhor teria sido 560.
    Talvez pudesse ser uma solução,o governo distribuir armas dentro dos presídios e deixar que se matem todos.

    Curtir

  9. Márcio Machado da Silva Silva

    60 presos x R$ 4.000,00/preso x 12 = R$ 2.880.000,00/ano: Alívio para o bolso do cidadão pagador de impostos!

    Curtir

  10. Marly Camargo

    Frei de “missa negra.”

    Curtir

  11. Felipe,
    A pergunta que não quer calar: será que o lulla não está interessado em ministrar uma palestra bem remunerada para militantes das farc? Seria uma forma de ele receber uma “comissãozinha’ pela venda das armas àquela fação criminosa do Amazonas.

    Curtir

  12. Só falta agora o Sérgio Moro e equipe + boa banda da PF fazerem a conexão entre a ORCRIM política lulopetista encabeçada pelo capo di tui capi Lula e a ORCRIM narcotraficante CV, PCC e FARC

    Curtir

  13. Marcos MOraes

    PCC também é e tb compra lá.

    Curtir

  14. Geroldo Zanon

    E foi o LULA que autorizou

    Curtir

  15. roberto sanches

    Apenas confirmou que o pt não é partido político mas, sim, uma organização criminosa!!!

    Curtir

  16. Osvaldo Aires Bade

    Parabéns e que Deus te abençoe.
    #somostodosbolsonaro

    Curtir

  17. César Augusto

    Petistas: criminosos, terroristas, ladrões e assassinos. Como deixamos essa corja de marginais nos governar por 13 anos?

    Curtir

  18. A meia tonelada de COCAÍNA no helicóptero dos Parrella, ma fazendinha da família, era da facção petista PSDB?
    Será que tem ramificação com a banda boa da PF ou com a banda “Da Boa”?

    Curtir

  19. Jorge Iório

    O PT e a pior de todas as faccoes porque deixou esse pais na mais completa miseria ao tentarem se perpetuar no poder!

    Curtir

  20. Adeilton Chagas

    Para essas organizações criminosas, nada como ter um braço político, no caso, o PT e outros partidos coligados. Uma associação perfeita! Para eles, claro!

    Curtir

  21. Nilton Castro

    PT = Podridão Total.

    Curtir