Adesão ao 13 de março pode definir saída de Dilma

Planalto teme tamanho do ato e já tenta pré-pautar cobertura da imprensa

Ato contra Dilma pobres e ricos

Painel da Folha:

“O Planalto trata as manifestações contra Dilma Rousseff marcadas para o dia 13 de março como determinantes para o futuro do governo. Na avaliação de auxiliares palacianos, se os protestos alcançarem, no mínimo, o quorum do ato de março de 2015, quando o Datafolha contou 210 mil pessoas em São Paulo, a pressão sobre a petista crescerá. Do contrário, a sensação será a de que o movimento refluiu, e Dilma poderá manter viva a esperança de sair das cordas.

Para o MBL, a adesão será, ao menos, equivalente à de abril, quando 100 mil foram à avenida Paulista.”

Traduzo:

O Planalto teme que o ato de 13 de março seja grande como o de abril, então vaza para a Folha que o piso comparativo é o de março passado, naturalmente mais difícil de ser alcançado porque o clamor popular vinha dos estelionatos eleitorais após uma disputa acirrada acompanhada diariamente pelo povo na TV.

É uma forma de se precaver contra a presença de 100 mil ou até 200 mil pessoas na Paulista, transformando de antemão uma adesão deste porte em fracasso e razão de fôlego para Dilma.

É uma forma, também, de pré-pautar o discurso da cobertura da imprensa, além da opinião dos deputados e (com sorte) senadores que votarão contra ou (com sorte) a favor do impeachment.

Este blog estará de olho em jornais, TVs e portais de notícias que repetirem o discurso governista, caso o ato seja grande mas não alcance o maior de todos em número de adesões.

De qualquer modo, o 13 de março poderá definir a saída de Dilma, até porque o PMDB, como disse Moreira Franco ao Estadão, só deve discutir o desembarque do Executivo quando a sociedade der sinais claros de amadurecimento na defesa do impeachment, embora 60% dos peemedebistas já sejam a favor.

Quanto mais gente nas ruas, mais claros os sinais (de urgência!) da sociedade e melhor para o país.

E você? Já convidou quantos amigos?

13 marco

* O movimento Vem Pra Rua lançou novo site: http://www.vemprarua.net/.

Felipe Moura Brasil ⎯ http://veja.abril.com.br/blog/felipe-moura-brasil

Siga no Twitter, no Facebook e na Fan Page.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s