Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Grande teatro Senado

O Senado encenou direitinho o teatro da divergência entre Poderes.

O Senado decidiu esperar a manifestação do plenário do Supremo Tribunal Federal sobre a necessidade de o Poder Legislativo avalizar previa ou posteriormente decisões do Judiciário relativas a parlamentares. O discurso era de que nesta terça-feira (3) os senadores decidiriam de qualquer maneira se derrubavam ou não a decisão de afastar o senador Aécio Neves de suas atividades parlamentares com exigência de ficar em casa à noite. As várias conversas do presidente da Casa, Eunício Oliveira, com a presidente do STF, ministra Cármen Lúcia, sinalizavam na direção de um acordo, correto e bem estruturado, no sentido de evitar um confronto em que não haveria vencedores.

Cumpre, porém, avisar ao senhor e à senhora que deu-se uma encenação. Eunício pôs para votar, os malucões feito Renan Calheiros e Jader Barbalho puderam posar de corajosos confrontadores (logo quem) e o bom senso prevaleceu. Como, de resto, estava acertado desde o início.

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s