Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Petróleo sobe em Nova York após morte de Kim Jong-Il

Os preços do petróleo avançaram levemente nesta segunda-feira em Nova York, em um mercado preocupado com as tensões geopolíticas que poderão surgir após a morte do presidente da Coreia do Norte, Kim Jong-Il.

No New York Mercantile Exchange, o barril do “light sweet crude” para entrega em janeiro fechou a 93,88 dólares, em alta de 35 centavos em relação à sexta-feira.

Os preços do petróleo, que tinham recuado cerca de 6 dólares em Nova York, reagiram apesar da jornada negativa nos mercados financeiros, dominados pelo pessimismo.

Wall Street e o euro operavam em baixa no momento em que foi encerrado o pregão do Nymex, diante da rejeição do Banco Central Europeu em apoiar os países em dificuldades da zona do euro.

“Mas a incerteza em relação à península da Coreia e ao Irã permitiram uma estabilização dos preços”, disse John Kilduff, da Again Capital.

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-Il, morreu no domingo de uma crise cardíaca e será substituído por seu filho Kim Jong-Un, de 30 anos.

O mercado observa com preocupação a mudança de comando na Coreia do Norte, um dos países mais isolados do mundo e que possui armas nucleares.

As tensões geopolíticas geralmente impulsionam os preços do petróleo, já que os investidores temem que estas dificuldades afetem sua produção e distribuição.