Clique e assine a partir de 8,90/mês

Ações da Petrobras operam com forte volatilidade nesta quarta

Papéis da petroleira chegaram a subir 14% na terça-feira com rumores da saída de Graça Foster. Renúncia da executiva foi confirmada nesta manhã de quarta

Por Naiara Infante Bertão - 4 fev 2015, 11h27

(Atualizado às 15h40)

Logo após o anúncio sobre a renúncia da presidente Graça Foster e de outros cinco diretores da Petrobras, as ações da petroleira chegaram a disparar mais de 6% na BM&FBovespa na manhã desta quarta-feira. Contudo, os papéis desaceleraram, chegaram a cair no início da tarde e, por volta de 13h, registravam alta novamente de 3,98% (ações ordinárias) e 2,50% (preferenciais), cotados a 10,18 reais e 10,25 reais, respectivamente. O Ibovespa performava em alta de 1,13%, a 49.514 pontos no mesmo horário, depois de ter avançado 1,28% no início do pregão.

Segundo o analista-chefe de investimento da Walpires Corretora, Leandro Martins, o movimento de desaceleração é normal, já que na terça-feira as ações da empresa chegaram a subir 14%, a maior alta em 16 anos. “Ainda há muito incerteza sobre os rumos da empresa, então, é comum que haja movimentos especulativos neste momento”, disse Martins.

Leia mais:

De salvadora da Petrobras, Graça Foster vira presidente ‘moribunda’

“A Petrobras informa que seu Conselho de Administração se reunirá na próxima sexta-feira, dia 06.02.2015, para eleger nova Diretoria face à renúncia da Presidente e de cinco Diretores”, disse a petroleira nesta quarta em comunicado enviado ao mercado.

Para Flávio Conde, analista da Gradual Corretora, o dia deve ser de baixa no Ibovespa, não apenas porque as ações da Petrobras subiram “demais” em dois dias, mas também porque “agora virá a parte difícil pós-demissão da Graça e dos cinco diretores”. O analista se refere à expectativa do mercado pela entrada de uma nova diretoria e suas consequências, como a divulgação das informações financeiras atrasadas – dessa vez com o cálculo das perdas da companhia com a corrupção.

Continua após a publicidade
Publicidade