Óculos inteligentes podem ser próximo alvo da Amazon

Criador do Google Glass trocou gigante de buscas pelo do varejo

O criador do Google Glass, Babak Parviz, anunciou nesta segunda-feira que está de saída da empresa e que assumirá um cargo na varejista americana Amazon. O executivo é apontado como um dos responsáveis pelo Google X, laboratório secreto do Google. Além de desenvolver os óculos inteligentes, ele liderou a criação de lentes de contato capazes de monitorar os níveis de açúcar no sangue em diabéticos, anunciadas pelo Google em janeiro deste ano.

Leia também:

Amazon pede autorização para testes com drones

Amazon apresenta smartphone que exibe imagens 3D

Amazon lança serviço de streaming de música nos EUA

A chegada de Parviz pode indicar o próximo alvo da gigante do varejo: os wearables, acessórios com recursos eletrônicos. “A razão da mudança é o meu entusiasmo sobre o que eu posso alcançar na Amazon”, disse Parviz, em entrevista ao site Cnet. O executivo, que estava no Google desde 2010, possui PhD em engenharia elétrica pela Universidade de Michigan e já trabalhou em universidades e empresas de grande porte nos Estados Unidos e na Europa.

Com a contratação de Parviz, a Amazon mostra que continuará a investir em dispositivos de hardware, categoria que ganhou relevância para a empresa de internet nos últimos anos. Entre 2007 e 2011, a empresa só fabricava o leitor eletrônico de e-books Kindle, mas em apenas três anos colocou no mercado duas gerações de tablets Kindle Fire, uma central multimídia para conectar a TV à internet e seu primeiro smartphone, o Fire Phone.

Embora a Amazon não seja uma fabricante tradicional de eletrônicos, os dispositivos que levam a marca são importantes para os negócios da empresa. Eles adotam uma versão modificada do Android, o que torna os aparelhos plataformas de acesso a uma variedade de conteúdos vendidos pela Amazon em sua loja on-line, como apps, filmes, músicas e games. Além disso, os gadgets são equipados com recursos para facilitar a compra de produtos físicos na loja on-line da Amazon, impulsionando sua receita no varejo.