Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Microsoft é a mais nova vítima de hackers nos EUA

Série de ataques contra empresas de tecnologia já atingiu Apple e Facebook

Após gigantes da tecnologia americana como Apple, Facebook e Twitter terem sofrido com ciberataques nas últimas semanas, foi a vez da Microsoft anunciar que também foi alvo de hackers. A companhia fundada por Bill Gates revelou que um pequeno número dos seus computadores foi infectado por softwares invasores, mas assinalou que por enquanto não há evidências de que dados de usuários tenham sido roubados.

Leia mais:

Apple denuncia ataque de crackers a seu sistema

Facebook é vítima de sofisticado ciberataque

Em um comunicado, o diretor de segurança da Microsoft, Matt Thomlinson, afirmou que as tecnologias usadas pelos hackers foram similares àquelas denunciadas por outras companhias. “Esse tipo de ciberataque não é nenhuma surpresa para a Microsoft ou para outras empresas que estão acostumadas a lutar contra adversários determinados e persistentes”, afirmou. A companhia acrescentou que as investigações sobre o ataque continuam em curso.

Ciberataques – A tentativa de invasão da Microsoft é apenas o último caso de uma lista recente de ciberataques contra companhias americanas. Nas últimas semanas, Twitter, Facebook e Apple denunciaram sofisticados ataques de hackers contra seus sistemas. Antes disso, grandes veículos de imprensa, como os jornais New York Times e Wall Street Journal, já haviam sido vítimas do mesmo tipo de invasão.

Leia também:

China está por trás de ciberataques, diz empresa americana

Pequim condena acusação de envolvimento em ataques

O relatório de uma consultoria americana na área de segurança na internet apontou hackers chineses, provavelmente apoiados pelo governo de Pequim, como os responsáveis pela série de ciberataques. O Ministério de Defesa da China rebateu a acusação, afirmando que a empresa americana se baseou em dados incorretos.

(Com agência France-Presse)