Facebook habilita reconhecimento facial automaticamente

Rede social mudou configurações de privacidade de usuários de fora dos EUA

O Facebook mudou as configurações de privacidade de milhões de usuários de fora dos Estados Unidos. Agora, a função de reconhecimento é acionada automaticamente – cabe ao usuário desativá-la, caso deseje. A empresa de segurança inglesa Sophos se deu conta da mudança nesta terça-feira.

Com a novidade, um programa de reconhecimento facial identifica os usuários do Facebook que aparecem em fotos recém acrescentadas à rede social. A pessoa que fez o upload da imagem recebe a sugestão de marcar a foto com o nome dos amigos que aparecem nela.

A função de reconhecimento facial tinha sido disponibilizada nos Estados Unidos no final do ano passado, também habilitada como a opção padrão. Mas a rede social avisou os usuários americanos naquela ocasião, através de seu blog, e explicou como desabilitar o serviço. Os usuários de outros países não foram alvo da mesma cortesia.

Depois que a descoberta da Sophos repercutiu pela imprensa especializada em tecnologia, o blog do Facebook atualizou seu post de dezembro, confirmando que a função de reconhecer amigos em fotos vem sendo implementada em vários países e já está disponível para a maioria dos usuários.

Quem não quiser ver seu nome automaticamente associado a fotos deve ir até as configurações de privacidade e entrar na opção “Personalizar configurações”. Depois, devem descer até a opção “Sugerir fotos minhas a amigos”, clicar em “Editar configurações”, selecionar a opção “Desativado” e clicar em “OK”.