Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Cientistas desenvolvem gadget que analisa suor e ajuda nas atividades físicas

O dispositivo, colado ao corpo e conectado via wireless a um smartphone, consegue analisar a partir do suor a fadiga muscular e os níveis de hidratação do corpo

Uma pesquisa realizada por cientistas americanos da Universidade de Stanford e da Universidade de Berkeley promete mudar o conceito dos wearables fitness – gadgets que são acoplados ao corpo para ajudar os usuários na prática de atividades físicas. Os pesquisadores desenvolveram um dispositivo que analisa os componentes do suor das pessoas em tempo real.

Segundo o estudo, divulgado nesta semana pela publicação científica Nature, o monitoramento do suor pode ajudar a aprimorar e aumentar o rendimento durante os exercícios físicos. Médicos e atletas podem se beneficiar com os resultados do dispositivo ao avaliar e analisar, por exemplo, a fadiga muscular e os níveis de hidratação do corpo durante a prática esportiva. Essas informações estão nas substâncias secretadas pelas glândulas sudoríparas. Substâncias que, quando bem equilibradas, podem aprimorar o rendimento do corpo.

O aparelho, testado em uma faixa que envolve a cabeça, consegue captar os dados por meio de cinco sensores, que enviam as informações obtidas nos dejetos do suor para um smartphone integrado com o dispositivo via wireless, de acordo com o site The Verve. A ideia ainda não tem fins comerciais, portanto não há um parceiro que viabilize o projeto para o mercado. Mas os cientistas dizem que futuramente o recurso pode ser usado em smartwatches.

Wearables – Atualmente, os wearables se dividem basicamente em pulseiras e relógios inteligentes. No entanto, esses dispositivos, em sua maioria, se limitam em fornecer alguns recursos como batimento cardíaco e contador de passos. A tendência é que apareçam outras funcionalidades para esse tipo de tecnologia.


Leia também:

Microsoft lança Band, sua primeira pulseira inteligente

(Da redação)