Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Número de mortes por gripe cai 64% em 2011

Dados do Ministério da Saúde mostram ainda uma redução de 44% nas internações. Campanha deste ano pretende vacinar 30 milhões de brasileiros

O número de mortes e de internações por agravamento do vírus da gripe teve uma redução de 64,1% e 44%, respectivamente, de 2010 a 2011, no Brasil. Os dados foram divulgados pelo Ministério da Saúde nesta terça-feira, durante o lançamento da Campanha Nacional de Vacinação de 2012, que acontece entre 5 e 25 de maio. Segundo a pasta, a queda nos óbitos e casos graves se deve às campanhas nacionais – em 2011, 84% do público alvo foi vacinado. A meta para este ano é que 80% do grupo prioritário de 30,1 milhões de brasileiros sejam imunizados.

Durante a campanha, 65.000 postos de vacinação do Sistema Único de Saúde (SUS) estarão preparados para receber a população alvo: idosos, crianças entre seis meses e dois anos de idade, gestantes em qualquer período da gravidez, indígenas, profissionais da saúde e a população prisional. “O grupo prisional vive confinado e há um risco maior de transmissão. A vacinação garante também a proteção dos familiares dos presos, dos funcionários e de seus familiares”, diz Jarbas Barbosa, secretário em Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde.

As crianças de seis meses a dois anos devem ser vacinadas com duas doses consecutivas. A primeira dose é dada durante a campanha e a segunda 30 dias depois. “Apenas aquelas crianças que já foram vacinadas em 2011, e que ainda estão na faixa etária do público alvo, tomam uma única dose este ano. Todas as demais precisam das duas doses”, diz o ministro da saúde Alexandre Padilha.

A vacina protege contra os três principais vírus que circulam no hemisfério sul, o da influenza A (H1N1), o H3N2 e o influenza B. Para ser vacinado não é preciso estar com a caderneta de vacinação em mãos. O Ministério aconselha, no entanto, que ela seja apresentada. “É uma boa oportunidade para atualizar o calendário e tomar um reforço ou uma dose que não tenha sido tomada”, diz Padilha.

A aquisição das 31,1 milhões de doses custou aos cofres públicos 260 milhões de reais e irá envolver mais de 240.000 profissionais em todo o país. Segundo o Ministério, 27.000 veículos, entre transporte aéreo, terrestre e fluvial, serão deslocados para atender à população.

Antiviral – De acordo com o Ministério da Saúde, a disponibilização de antivirais usados no tratamento da gripe também colaborou para a queda nos casos de óbitos e internações. A droga oseltamivir, que está disponível o ano todo pelo SUS, pode ser prescrita a qualquer pessoa com quadro de gripe, independente de pertencer ou não ao grupo prioritário.

Clique nas perguntas abaixo para saber mais sobre a gripe:

João Toniolo Neto, geriatra e diretor do projeto Vigilância Epidemiológica da Gripe (VigiGripe), da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp). É também autor do livro A História da Gripe. Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo

Qual a diferença entre gripe e resfriado?

Quais são os tipos de gripe?

Qual a diferença entre a gripe comum e o H1N1?

Quais são os sintomas da gripe?

Uma pessoa pode ficar gripada duas vezes no mesmo ano?

Há uma época do ano em que as pessoas ficam mais gripadas? Por quê?

O que pode ser feito para evitar a gripe?

Ar condicionado pode deixar uma pessoa gripada?

Eu posso pegar gripe com um aperto de mão ou um beijo no rosto?

O que pode ser feito para tratar a doença?

Qual a real proteção que a vacina oferece?

Por que apenas alguns grupos devem tomar a vacina?

Quem não deve tomar a vacina?

Por quanto tempo a vacina é efetiva?

Por que as pessoas que tomam a vacina dizem ficar gripadas logo em seguida?

A gripe pode matar?

Quem está gripado não pode tomar gelado ou é apenas um mito?

Quais são os outros mitos a respeito da gripe?

  • Qual a diferença entre gripe e resfriado?
  • Quais são os tipos de gripe?
  • Qual a diferença entre a gripe comum e o H1N1?
  • Quais são os sintomas da gripe?
  • Uma pessoa pode ficar gripada duas vezes no mesmo ano?
  • Há uma época do ano em que as pessoas ficam mais gripadas? Por quê?
  • O que pode ser feito para evitar a gripe?
  • Ar condicionado pode deixar uma pessoa gripada?
  • Eu posso pegar gripe com um aperto de mão ou um beijo no rosto?
  • O que pode ser feito para tratar a doença?
  • Qual a real proteção que a vacina oferece?
  • Por que apenas alguns grupos devem tomar a vacina?
  • Quem não deve tomar a vacina?
  • Por quanto tempo a vacina é efetiva?
  • Por que as pessoas que tomam a vacina dizem ficar gripadas logo em seguida?
  • A gripe pode matar?
  • Quem está gripado não pode tomar gelado ou é apenas um mito?
  • Quais são os outros mitos a respeito da gripe?

(Com reportagem de Aretha Yarak)

*O conteúdo destes vídeos é um serviço de informação e não pode substituir uma consulta médica. Em caso de problemas de saúde, procure um médico.