13/09/2011 - 08:04
Fonte: Logo-gazeta-press

Esporte

Splitter pensa em voltar ao Brasil e torce por popularização do basquete

Após disputar o Pré-Olímpico de Mar del Plata, Tiago Splitter estuda propostas de alguns clubes e pensa na possibilidade de voltar a jogar no Brasil durante a greve na NBA. Há 10 anos no exterior, o pivô do San Antonio Spurs torce pela popularização do basquete no País.

'Voltar a jogar aqui é uma opção boa para mim e para o basquete do Brasil. Prefiro jogar do que estar parado e sem fazer nada. Se tiver a possibilidade de jogar no Brasil e der tudo certo, por que não?', indagou o atleta ao desembarcar na noite de segunda-feira, em Guarulhos.

Depois de repatriar Leandrinho, do Toronto Raptors, o Flamengo já apresentou uma proposta a Splitter. Brasília e Pinheiros fizeram o mesmo. Para completar, alguns clubes da Europa também estão interessados em contar com o pivô, que já fez sucesso na Espanha.

'Recebi algumas propostas e quero tomar essa decisão com tranquilidade. Tenho tempo pela frente agora e vou decidir o que fazer', declarou o jogador. Com um boné da equipe que defende na NBA, ele arrancou risos ao responder qual o time mais próximo de contratá-lo: 'os Spurs'.

'O Brasil tem enorme condição de ser uma potência mundial e espero que esse passo ajude no crescimento do basquete. Às vezes querem que o esporte cresça melhorando as coisas no adulto, mas o ideal é evoluir na base, que a criançada comece a jogar, que tenhamos mais escolinhas. Isso vai fazer com que sejamos uma potência', afirmou.

Para acelerar o fortalecimento do esporte, um desempenho satisfatório em Londres-2012 é essencial, afirma Splitter. 'É a vitrine do esporte mundial, todo mundo acompanha e jogar esse torneio bem faz muita diferença. A nova geração precisa de espelhos, de uma Seleção Brasileira, e esperamos fazer isso', encerrou.

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados