Mais Lidas

  1. Justiça bloqueia bens do senador Lindbergh Farias

    Brasil

    Justiça bloqueia bens do senador Lindbergh Farias

  2. Temer monta seu governo: “Quero entrar para a história”

    Brasil

    Temer monta seu governo: “Quero entrar para a história”

  3. Lula sempre ganhou mensalinho da OAS, diz empreiteiro

    Brasil

    Lula sempre ganhou mensalinho da OAS, diz empreiteiro

  4. A miss-bumbum e o clima de fim da festa no Planalto

    Brasil

    A miss-bumbum e o clima de fim da festa no Planalto

  5. Felipe Melo entra de sola e detona comentarista Neto

    Esporte

    Felipe Melo entra de sola e detona comentarista Neto

  6. Petrolão atinge cúpula do PT no Senado

    Brasil

    Petrolão atinge cúpula do PT no Senado

  7. Pizzolato: de diretor do Banco do Brasil a auxiliar de pedreiro

    Brasil

    Pizzolato: de diretor do Banco do Brasil a auxiliar de pedreiro

  8. Irmãs tramam pelo WhatsApp assalto ao próprio pai no interior de São Paulo

    Brasil

    Irmãs tramam pelo WhatsApp assalto ao próprio pai no interior de...

Aos 73, Raquel Welch chama a atenção em prêmio

De vestido preto com brilhos, a atriz desfilou sua beleza no tapete vermelho do prêmio do Sindicato dos Figurinistas de Hollywood

- Atualizado em

A atriz Raquel Welch
A atriz Raquel Welch(AFP/VEJA)

Raquel Welch mandou um beijinho no ombro para as jovens atrizes que andaram no mesmo tapete vermelho que ela, no último fim de semana, durante o prêmio do Sindicato dos Figurinistas de Hollywood (Costume Designers Guild Awards). Com tudo em cima, a atriz de 73 anos apostou em um vestido justo decotado e com brilhos, enquanto mostrou que o tempo passou com generosidade para ela.

A atriz Raquel Welch
A atriz Raquel Welch(AFP/VEJA)

Mãe de dois filhos, Damon, 53 anos, e Tahnee, 51, a atriz se tornou sex symbol na década de 1960, quando estrelou o filme Mil Séculos Antes de Cristo (1966) usando apenas um biquíni, seu figurino favorito por muitos anos. Na época, Raquel tinha 26 anos e dava início à carreira que contabiliza hoje mais de sessenta trabalhos entre cinema e séries de TV.

A premiação do sindicato, ocorrida no último sábado, consagrou os profissionais da área de figurino do cinema e televisão. Foram premiados os trabalhos feitos na produção de 12 Anos de Escravidão, na categoria de filme de época; Blue Jasmine, em filme contemporâneo; e Jogos Vorazes: Em Chamas, para filmes de fantasia.

Entre os figurinos feitos para a televisão, Downton Abbey levou a melhor na categoria de seriado de época; Minha Vida com Liberace, ganhou entre as minisséries ou filmes de TV; e House of Cards, em série contemporânea.