Mais Lidas

  1. Johnny Depp perde a mãe e a mulher em apenas dois dias

    Entretenimento

    Johnny Depp perde a mãe e a mulher em apenas dois dias

  2. China cria ônibus que 'passa por cima' de engarrafamentos

    Economia

    China cria ônibus que 'passa por cima' de engarrafamentos

  3. Ex-ator mirim sobre pedofilia em Hollywood: ‘Fui molestado por várias pessoas’

    Entretenimento

    Ex-ator mirim sobre pedofilia em Hollywood: ‘Fui molestado por...

  4. Temer e os áudios: por que a Lava Jato preocupa também o governo interino

    Brasil

    Temer e os áudios: por que a Lava Jato preocupa também o governo...

  5. Fã que atacou Ana Hickmann ia fazer 'roleta russa', diz delegado

    Entretenimento

    Fã que atacou Ana Hickmann ia fazer 'roleta russa', diz delegado

  6. Delação da Odebrecht 'vem com uma metralhadora ponto 100', diz Sarney em gravação

    Brasil

    Delação da Odebrecht 'vem com uma metralhadora ponto 100', diz...

  7. Janot defende legalidade de grampo entre Lula e Dilma

    Brasil

    Janot defende legalidade de grampo entre Lula e Dilma

  8. Governo Temer quer mudar conselhos de estatais

    Brasil

    Governo Temer quer mudar conselhos de estatais

Tiroteio em Minas Gerais deixa nove mortos

Polícia montou cerco a quadrilha que explodiu caixas eletrônicos em Itamonte. Todos os mortos são criminosos, segundo policiais. Um agente ficou ferido

- Atualizado em

Tiroteio em Itamonte, em Minas Gerais, deixa nove mortos
Tiroteio em Itamonte, em Minas Gerais, deixa nove mortos(Estadão Conteúdo/VEJA)

Nove pessoas morreram e cinco ficaram feridas esta madrugada em um tiroteio em Itamonte, em Minas Gerais. O confronto ocorreu por volta das 2h, depois que criminosos explodiram caixas eletrônicos de uma agência bancária na cidade. Houve cerco montado por policiais e uma grande troca de tiros. A quadrilha, segundo informa a Polícia Civil mineira, agia praticando vários crimes em cidades mineiras e paulistas.

Segundo a polícia, os nove mortos seriam todos criminosos. Entre os cinco feridos está um dos policiais civis que participaram da ação. Ferido em um dos ombros por um disparo de fuzil, ele foi transportado de helicóptero para a capital paulista. Participaram da ação, além da Polícia Civil mineira, agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

As primeiras informações levantadas pela Polícia Civil indicam que, entre os mortos, há oito integrantes da quadrilha que seriam da cidade de Mogi das Cruzes (SP). O nono morto seria de Itanhandu (MG).

Mesmo com o cerco montado por um grupo de cerca de 100 policiais militares e civis dos dois estados, parte da quadrilha conseguiu escapar. A polícia acredita que o bando todo era formado por cerca de 20 bandidos.

(Com Estadão Conteúdo)

TAGs:
Crime
Crime Organizado
Minas Gerais