Mais Lidas

  1. Grazi pega ex de Mariana Rios e sacode as redes sociais

    Entretenimento

    Grazi pega ex de Mariana Rios e sacode as redes sociais

  2. Australiana acorda com cobra de 5 metros aos pés da cama

    Mundo

    Australiana acorda com cobra de 5 metros aos pés da cama

  3. Intérprete de Louro José deleta Instagram depois da tatuagem da discórdia

    Entretenimento

    Intérprete de Louro José deleta Instagram depois da tatuagem da...

  4. Chega ao Senado mais um pedido de impeachment contra Janot

    Brasil

    Chega ao Senado mais um pedido de impeachment contra Janot

  5. Polícia captura criminoso que controla maior esconderijo de traficantes do Rio

    Brasil

    Polícia captura criminoso que controla maior esconderijo de...

  6. Intérprete do Louro José faz tatuagem com rosto da esposa - mas ela odeia

    Entretenimento

    Intérprete do Louro José faz tatuagem com rosto da esposa - mas ela...

  7. Avião, helicópteros e carros de luxo apreendidos na Turbulência chegam a R$ 15 mi; confira as fotos

    Brasil

    Avião, helicópteros e carros de luxo apreendidos na Turbulência...

  8. Campanha na internet para baixar preço faz Temer liberar importação do feijão

    Economia

    Campanha na internet para baixar preço faz Temer liberar importação...

Dilma e Lula sabiam de tudo, diz Alberto Youssef à PF

Em depoimento prestado na última terça-feira, o doleiro que atuava como banco clandestino do petrolão implica a presidente e seu antecessor no esquema de corrupção

Por: Robson Bonin - Atualizado em

Eles sabiam de tudo - Capa da edição 2397 de VEJA
(VEJA.com/VEJA)

Na última terça-feira, o doleiro Alberto Youssef entrou na sala de interrogatórios da Polícia Federal em Curitiba para prestar mais um depoimento em seu processo de delação premiada. Como faz desde o dia 29 de setembro, sentou-se ao lado de seu advogado, pôs os braços sobre a mesa, olhou para a câmera posicionada à sua frente e se colocou à disposição das autoridades para contar tudo o que fez, viu e ouviu enquanto comandou um esquema de lavagem de dinheiro suspeito de movimentar 10 bilhões de reais. A temporada na cadeia produziu mudanças profundas em Youssef. Encarcerado desde março, o doleiro está bem mais magro, tem o rosto pálido, o cabelo raspado e não cultiva mais a barba. O estado de espírito também é outro. Antes afeito às sombras e ao silêncio, Youssef mostra desassombro para denunciar, apontar e distribuir responsabilidades na camarilha que assaltou durante quase uma década os cofres da Petrobras. Com a autoridade de quem atuava como o banco clandestino do esquema, ele adicionou novos personagens à trama criminosa, que agora atinge o topo da República. Perguntado sobre o nível de comprometimento de autoridades no esquema de corrupção na Petrobras, o doleiro foi taxativo:

- O Planalto sabia de tudo!

- Mas quem no Planalto?, perguntou o delegado.

- Lula e Dilma, respondeu o doleiro.

Conheça, nesta edição de VEJA, os detalhes do depoimento que Alberto Youssef prestou às autoridades.

Leia a reportagem na íntegra. Compre, a partir desta sexta-feira, a edição de VEJA no IBA, no tablet ou nas bancas.