Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

‘Última Ceia ocorreu na quarta-feira anterior à crucificação’

Para analista, uma inconsistência bíblica teria sido causada pelo uso de calendários diferentes por João e Jesus, Mateus, Marcos e Lucas

O professor Colin Humphreys, cientista da Universidade de Cambridge, cruzou informações históricas, bíblicas e astronômicas e chegou à conclusão de que a Última Ceia de Jesus com seus discípulos foi na quarta-feira anterior à crucificação, um dia antes da data aceita originalmente. A descoberta, detalhada em seu novo livro, The Mystery of the Last Supper (O Mistério da Última Ceia, tradução livre), deve arrancar aplausos – ou causar desconfianças – dos milhões de cristãos espalhados pelo mundo.

Durante muito tempo, por causa de uma aparente inconsistência bíblica, os pesquisadores se questionavam sobre o assunto. Enquanto os apóstolos Mateus, Marcos e Lucas afirmavam que a Última Ceia coincidiu com o início da Páscoa judaica, João sustentava que ela havia ocorrido anteriormente. O professor Humphreys acredita que Jesus, ao lado de Mateus, Marcos e Lucas, teria utilizado um calendário diferente daquele usado por João. Por essa hipótese, Jesus ateve-se a um velho calendário judeu ao invés de utilizar o calendário lunar oficial que naquela época já estava difundido.

Dessa forma, o jantar da Páscoa teria sido realizado na quarta-feira, o que explica a existência de muitas atividades entre esse evento e a crucificação. Consequentemente, a detenção, o interrogatório e o julgamento aos quais foi submetido Jesus não ocorreram no espaço de uma só noite.

(Com agência EFE)