Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Alternativa à Rio+20, Cúpula dos Povos terá 1.800 eventos

Fórum pretende organizar documento para ser apresentado aos líderes da conferência da ONU, no dia 22

A Cúpula dos Povos, que receberá no Rio de Janeiro centenas de associações civis de todo o mundo para oferecer uma alternativa à Conferência da ONU sobre Desenvolvimento Sustentável, Rio+20, finalizava nesta terça-feira os últimos preparativos. O fórum, que pretende dar voz às organizações e setores que não estarão representadas nas reuniões de governantes da Rio+20, já tem praticamente pronto o acampamento que abrigará as atividades que se estenderão desde a próxima sexta-feira até o dia 22.

VEJA Rio: Conheça os locais da Rio+20

A programação da primeira semana da Rio+20

Vários operários davam hoje os últimos retoques às tendas, toldos, barracas de comércio na rua e estruturas provisórias que acolherão a Cúpula dos Povos e que já estão instaladas no Parque do Flamengo.

A cúpula alternativa terá um total de 1.800 mil eventos, incluindo conferências plenárias e a Assembleia dos Povos, onde serão discutidas propostas que constarão em um documento que será apresentado no dia 22, mesmo dia do encerramento da conferência da ONU.

Entre as atividades programadas está a Passeata das Mulheres, que acontecerá no dia 18, e outra “grande manifestação” pela justiça social e ambiental que será realizada dois dias depois no centro do Rio, segundo informa o porta-voz do evento, Mauricio Thuswohl.

No dia 17 será realizada uma vigília “interreligiosa”, seguindo o exemplo de 1992, durante o Fórum Global que ocorreu de forma paralela à Cúpula da Terra.

(Com EFE)

Conheça o calendário da Rio+20

info_veja