Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Vice-prefeito de Gdansk faz declaração racista em plena Eurocopa

Andrzej Bojanowski, o vice-prefeito de Gdansk, uma das oito cidades-sede da Eurocopa-2012 de futebol, provocou uma polêmica ao falar que os habitantes de sua cidade “eram pessoas normais, brancas e civilizadas”, e por isso teve de desculpar-se nesta terça-feira.

O tema do racismo é uma das principais preocupações dos organizadores da Eurocopa, especialmente desde que os jogadores da Holanda denunciaram terem sido chamados de “macacos” durante um treino em Cracóvia, na semana passada.

“Quero agradecer aos habitantes e serviços da cidade por terem se comportado como gente normal, branca e civilizada ante nossos convidados, que também se comportaram como gente branca normal”, declarou o político.

Bojanowski, de 40 anos, pediu desculpas na edição local do jornal Gazeta Wyborcza.

“Peço perdão a todos que possam ter se sentido feridos pela maneira equivocada que empreguei em um programa ao vivo. Simplesmente queria agradecer aos habitantes e convidados, seja qual for a cor de sua pele”, afirmou.

Segundo Krzysztof Jarymowicz, chefe da organização polonesa Fundação para a Liberdade, que luta contra o racismo, trata-se de um exemplo de “até que ponto os estereótipos e a xenofobia estão fixados na mentalidade e na linguagem” na Polônia.

“Tenho certeza que o vice-prefeito de Gdansk utilizou essa fórmula inconscientemente”, declarou Jarymowicz ao Gazeta Wyborcza.