Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Napoli vence e fica perto de vaga na Liga dos Campeões

Por AE

Nápoles, Itália – Em uma partida com muita emoção e inúmeros gols perdidos, o Napoli derrotou o Manchester City por 2 a 1, nesta terça-feira, no lotado estádio San Paolo, em Nápoles, e ficou mais perto da classificação às oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa. Agora com oito pontos, o time italiano assumiu a segunda colocação do Grupo A, um ponto à frente dos ingleses, e só dependem de suas próprias forças para avançar de fase.

No outro jogo da chave, o Bayern de Munique confirmou o favoritismo, derrotou o Villarreal por 3 a 1, na Alemanha, e se classificou antecipadamente como o líder do grupo, com 13 pontos. Os espanhóis, já eliminados, seguem na lanterna, ainda sem pontuar. Na última rodada, marcada para 7 de dezembro, o Napoli enfrenta o Villarreal, na Espanha, e o Manchester City encara o Bayern de Munique, na Alemanha.

Em Nápoles, o torcedor napolitano tem que reverenciar mais uma vez o centroavante Edinson Cavani. Meio apagado na temporada, o uruguaio parece querer brilhar apenas em jogos mais importantes. Foi assim em duelos nacionais contra Juventus e Milan, em que marcou três gols em cada um deles, e também nesta terça contra o Manchester City.

Foi dele os dois gols do Napoli. Depois de um leve domínio inglês no início do jogo, Cavani marcou o primeiro gol, aos 18 minutos, em um toque de cabeça em cobrança ensaiada de escanteio pelo lado esquerdo, que surpreendeu toda a zaga do Manchester City. Pressionado pelo resultado adverso, os visitantes atacaram com força e conseguiram o empate ainda na primeira etapa, aos 32, com o atacante Mario Balotelli após um erro grotesco do zagueiro Aronica.

No segundo tempo, o Napoli exerceu forte pressão e logo obteve sucesso com mais um gol de Cavani, aos quatro minutos, depois de aproveitar um cruzamento do eslovaco Hamsik pela esquerda e chutar de primeira no canto esquerdo do goleiro Hart.

Daí em diante, o que se viu foi um festival de gols perdidos. Alguns por causa da má pontaria dos atacantes, especialmente o argentino Lavezzi, pelo Napoli, e outros por causa de grandes defesas de Hart e do italiano Morgan De Sanctis, que impediu por três vezes que o Manchester City empatasse a partida em chutes de Balotelli.

Na Alemanha, o Bayern de Munique jogou para o gasto para vencer um time misto do Villarreal, que agora só pensa em recuperação no Campeonato Espanhol. Em 23 minutos de partida, a equipe alemã já fez 2 a 0 com Ribéry e Mario Gomez. Os espanhóis esboçaram uma reação logo no início do segundo tempo, com o gol de De Guzmán, aos 5, mas Ribéry novamente marcou, aos 24, para decretar a vitória e a classificação dos alemães.