Massa diz que ida de Alonso à Indy ‘não é 100% profissional’

Brasileiro afirmou que a McLaren passa por dificuldades e está fazendo um "grande marketing" com a presença do espanhol nas 500 milhas de Indianápolis

Felipe Massa se disse surpreso com a opção de seu ex-companheiro de Ferrari Fernando Alonso de se ausentar do GP de Monaco de Fórmula 1 para se aventurar nas 500 Milhas de Indianápolis de Fórmula Indy. O brasileiro da Williams disse compreender o espanhol da McLaren, mas questionou seu profissionalismo.

“Foi uma surpresa. Ele certamente está fazendo isto porque a McLaren tem grandes problemas. Para ser sincero, respeito sua decisão e o apoio muito, mas parar de correr na Fórmula 1 para ir para outra modalidade não é normal. Não é algo 100% profissional”, afirmou Massa em entrevista ao jornal espanhol Marca.

“Está fazendo isso porque tem um grande problema, não é somente pela vontade de Fernando. Há muitos fatores. A McLaren está fazendo um grande marketing com isso”, afirmou o brasileiro, que disse que irá torcer pelo sucesso de Alonso na corrida nos Estados Unidos, que assim como o GP de Monaco, será no próximo domingo. Bicampeão mundial da Fórmula 1, Alonso correrá pela equipe Andretti e largará na quinta posição na corrida mais tradicional dos Estados Unidos.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Wesley dos Santos Caiapó

    Massa precisa de um assessor de imprensa. Dizer que ‘não é 100% profissional’, mas que “apoia” e que “torce pelo sucesso” do Alonso, é totalmente contraditório.

    Curtir