Marcos Aurélio se arrepende de declarações e evita crise no Coxa

Um pequeno foco de crise quase virou um incêndio no Coritiba, mas foi rapidamente debelado antes de causar problemas às vésperas da partida diante do São Paulo, pelo Campeonato Brasileiro. O atacante Marcos Aurélio, chateado com as sucessivas substituições, não gostou de sair diante do Bahia e reclamou publicamente. Porém, arrependido, pediu desculpas ao treinador.

‘Todos vieram me cobrar como deveriam ter feito. Eu errei e procurei dar um basta no assunto. Procurei o Marcelo, falei com a diretoria e, como isso está resolvido, temos que pensar no jogo’, disse o jogador, que já focando a partida garante não se preocupar com os desfalques. ‘O professor vai buscar fazer a melhor formação para a equipe e temos que procurar dar o nosso melhor’, avaliou.

Com uma campanha ruim longe de Curitiba, o meia sabe da importância de fazer valer o mando de campo. ‘Precisamos fazer a lição de casa. O adversário é muito forte, rápido e temos que aproveitar o fator de ter nossa torcida ao lado. Vou dar o meu melhor, porque é um jogo importante e também peço o apoio do nosso torcedor’, afirmou.

Marcos Aurélio pede um pouco de paciência enquanto o time não embala e repete os bons resultado do início do ano. ‘No momento temos que ter tranquilidade, colocar os pés no chão. Sabemos que fora de casa estamos devendo, até por isso, na minha opinião, podíamos ter vencido o último jogo. Vamos pensar nesse jogo de quarta-feira e buscar os três pontos’, concluiu.