Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Leandro Guerreiro vê disputa aberta por vaga no Cruzeiro

Por AE

Belo Horizonte – O Cruzeiro promoveu várias mudanças na lista de volantes do elenco para a próxima temporada, com a saída de jogadores como Fabrício, Marquinhos Paraná e Charles – em compensação, foram contratados Rudnei (ex-Ceará), Amaral (América-MG) e o colombiano Diego Arias (ex-PAOK). Por isso, o volante Leandro Guerreiro, um dos remanescentes do grupo do ano passado, acredita que a disputa está aberta por uma vaga no time titular.

“Acho que começa tudo do zero. Um ano novo. Entre os jogadores que chegaram, todos têm capacidade de ser titulares. Quando cheguei aqui no ano passado, eu disse que vim para ajudar, para colaborar e, graças a Deus, apesar dos percalços que a gente teve, foi um ano bom, pelas circunstâncias (o Cruzeiro escapou do rebaixamento na última rodada). Mas é um ano novo, é vida nova, e todos vão disputar uma posição”, disse Leandro Guerreiro.

Segundo o volante, é importante ter um elenco com várias alternativas para cada posição. “Ninguém aqui tem cadeira cativa no Cruzeiro, até porque é um clube grande, em que temos sempre que jogar bem. Sempre é preciso demonstrar que temos condições de ser titulares. Cada um vai brigar pela posição. Claro, naquela briga sadia, com bastante lealdade. É sempre bom um grupo grande, com várias opções”, explicou Leandro Guerreiro.

“O ponto negativo é a saída de jogadores como o Fabrício, o Marquinhos e o Charles, que já tinham uma identificação muito grande com a torcida, jogadores de qualidade imensa”, avaliou Leandro Guerreiro, um dos dois volantes remanescentes do ano passado – o outro é Everton. “O ponto positivo é que o Mancini (técnico Vagner Mancini) vai ter mais opções neste ano, principalmente nesta posição. Estão chegando jogadores de qualidade.”