Goiás abre 3 a 0, mas Paulista reage e força o segundo jogo

O Goiás teve um primeiro tempo dos sonhos na noite desta quinta-feira, no estádio Jayme Cintra, conseguindo abrir 3 a 0 sobre o Paulista e encaminhando a classificação para a segunda fase da Copa do Brasil. Porém, dois gols de Richely na etapa final definiram o 3 a 2 e deram sobrevida ao time de Jundiaí.

Os visitantes começaram o duelo de forma avassaladora. Logo aos 16 minutos de bola rolando, após cobrança de falta de Egídio, Ramon testou firme para o chão e abriu o placar. O tento, por sinal, deixou os anfitriões nervosos, principalmente o goleiro Wagner, que não conseguia passar segurança para os seus companheiros.

Dessa forma, não demorou muito para sair o segundo gol. Aos 31, nova cabeçada de Ramon, dessa vez um passe para Iarley, que aproveitou saída indecisa do arqueiro e tocou por cima, marcando belo gol. Ainda antes do intervalo, Ricardo Goulart recebeu em contra-ataque e tocou para Ramon fazer o terceiro.

Mesmo atordoado com a péssima etapa inicial, os donos da casa voltaram com um novo ímpeto, embalados pelo atacante Richely. E foi ele mesmo que diminuiu aos quatro minutos, após ganhar dividida com Harlei e colocar para o fundo do gol.

Melhor em campo, o Paulista quase fez outro um minuto depois, mas Harlei defendeu cabeçada de Richely. Aos 15, Egídio arriscou e a bola passou com perigo. Porém, quem voltou a marcar e recolocou o Galo da Japi na partida e no torneio foi Richely.

Aos 27 minutos, ele entrou driblando na área esmeraldina e só foi parado com falta. Pênalti, batido e convertido por ele próprio, acendendo as esperanças da torcida. Aos 31, Reinaldo quase empatou, mas parou em linda defesa do arqueiro goiano.

Os comandados de Enderson Moreira agora podem até perder por 1 a 0 ou 2 a 1 no jogo da volta, no dia 21, no Serra Dourada, que se classificam. Os paulistas, por sua vez, têm de ganhar por dois gols de diferença para seguir adiante.

Na segunda fase, quem passar encara o vencedor de Boavista e América-MG, que empataram sem gols na quarta.