Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Falcão defende-se de expulsão: ‘Foi totalmente pessoal’

O craque Falcão ficou irritado com a arbitragem do primeiro jogo da final da Liga Futsal, entre Carlos Barbosa e Santos, fez um sinal de ‘roubo’ ao juiz e foi expulso. Fora da partida de volta, nesta terça-feira, o jogador mostrou arrependimento e explicou o seu lado da história.

‘Eu me envolvo demais. Isso em alguns momentos é um defeito. Este ano, tomei apenas um cartão amarelo. Não fico pensando no que vai acontecer. Eu me comporto como acho que devo. Foi totalmente pessoal (a expulsão), mas eu defendo um escudo, uma torcida, e não deveria ter feito isso’, declarou ao programa de televisão Arena SporTV.

O Carlos Barbosa venceu por 4 a 3 e precisa de apenas um empate em Santos para garantir o pentacampeonato. ‘É uma pena, mas já foi. Focamos muito na arbitragem e deixamos de jogar’, lamentou.

Falcão disse que o elenco do Santos entrou em quadra sabendo que seria prejudicado pela arbitragem e ressaltou que a arbitragem brasileira vive uma crise. ‘Infelizmente, árbitro brasileiro sempre faz média. Apita cinco faltas para esse lado, cinco para aquele. Se houver cinquenta para cada lado, tem que apitar as cinquenta’, encerrou.