Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Espanha bate Portugal nos pênaltis e chega à final da Eurocopa

A seleção da Espanha, atual campeã mundial e europeia, garantiu presença na decisão da Eurocopa ao derrotar Portugal por 4 a 2 na disputa de pênaltis, após o empate sem gols no tempo normal e na prorrogação.

A ‘Fúria’ disputará a final no próximo domingo contra o vencedor do confronto entre Alemanha e Itália, nesta quinta-feira, em Varsóvia.

Cesc Fábregas, que já havia marcado o pênalti decisivo contra a Itália nas quartas de final da Eurocopa-2008, repetiu o feito nesta quarta-feira, levando a torcida espanhola ao delírio.

O astro português Cristiano Ronaldo, que deveria ter sido o último batedor da sua equipe, nem teve oportunidade de ajudar o time, já que o goleiro espanhol Iker Casillas defendeu um pênalti de João Moutinho e contou com a sorte quando a cobrança de Bruno Alves acertou o travessão.

A Espanha começou a disputa de pênaltis da pior forma possível, com Xabi Alonso chutando para a defesa de Rui Patrício, mas Andrés Iniesta, Gerard Piqué, Sergio Ramos e Cesc Fábregas não falharam, enquanto Pepe e Nani também converteram suas cobranças para Portugal.

Os portugueses criaram mais chances de gol no tempo normal, mas a Espanha acordou na prorrogação, e por pouco não abriu o placar aos 14 do tempo extra, mas o goleiro Rui Patrício fez uma defesa milagrosa em chute de Iniesta.

Se vencer a final deste domingo a Espanha se tornará na primeira equipe a ganhar duas Eurocopas e uma Copa do Mundo de forma consecutiva.