Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Em último teste antes da estreia, Luis Fabiano evita derrota tricolor

Em seu último jogo-treino antes de estrear contra o Flamengo, no domingo, Luis Fabiano se mexeu, correu, deu assistência, chutou, até tirou fotos com o trio de arbitragem. E na única chance clara que teve, no último minuto do jogo-treino, fez o gol que garantiu o empate por 1 a 1 com o Audax São Paulo, antigo Pão de Açúcar, nesta quarta-feira, no CCT da Barra Funda.

O camisa 9 ficou em campo por cerca de 73 minutos dos 78 da atividade e sofreu com a marcação de muitas vezes três adversários da equipe que está na segunda divisão do Campeonato Paulista – ficou em décimo lugar na edição deste ano. Mas, no último minuto, Henrique Miranda driblou três adversários e tocou para o artilheiro, na área, driblar o goleiro e balançar as redes.

Novamente acompanhado por Juvenal Juvêncio, que, como no jogo-treino em que o atacante fez dois gols na semana passada contra o sub-17, esteve no CCT para assistir à atividade, Luis Fabiano mostrou empenho em seu primeiro teste com situações reais de jogo. Havia um trio de arbitragem que, no intervalo do treino, pediu – e foi atendido – para tirar fotos com ele.

Antes de marcar o gol, o artilheiro teve só uma chance de finalizar, por cima do travessão. A oportunidade ocorreu no primeiro tempo, quando o centroavante recebeu na marca do pênalti e girou batendo acima da meta. O jogador, entretanto, teve dificuldades diante da forte marcação no primeiro tempo.

O goleador foi escalado em uma equipe que tinha Denis; Jean, Xandão, Luiz Eduardo e Henrique Miranda; Rodrigo Caio, João Felipe, Rivaldo e Marlos; Henrique e Luis Fabiano. Mas os três homens ofensivos não conseguiam escapar da retranca adversária, com o primeiro tempo terminando com um lindo chapéu de Rivaldo como único lance de atenção além do chute de Luis Fabiano acima da meta.

No baixo nível técnico dos primeiros 35 minutos da atividade, Henrique, além de ineficiente, ainda fez uma falta dura e recebeu cartão amarelo por xingar o árbitro. Mais preocupado em mostrar serviço, Luis Fabiano voltava até o meio-campo para fazer o time andar no setor ofensivo. Chegou a lançar Marlos na área, mas o colega errou e até ficar impedido ao tabelar com toque de calcanhar com o meia.

No segundo tempo, com Dener, Fernandinho e Willian José nos lugares de Rivaldo, Marlos e Henrique, Luis Fabiano teve ainda mais trabalho. Sempre voltando ao meio-campo, deu o gol para Fernandinho após roubar uma bola, fez o mesmo com Willian José e ainda bateu uma falta sofrida por Rodrigo Caio no meio do gol.

O centroavante chegou a ser sacado do treino e ficou por cerca de cinco minutos fora do campo. Até entrar novamente e evitar a derrota, já que o Audax abriu o placar enquanto o camisa 9 estava fora.