Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Em dia repleto de erros, Lusa perde do Bahia e cai na Copa do Brasil

A Portuguesa não vive o melhor de seus momentos, ilustrados com o rebaixamento para a Série A2 do Paulista, mas a partida diante do Bahia, na noite desta quarta-feira, foi o grande retrato disso. Sem a menor inspiração, a equipe paulista abusou dos erros, tanto no ataque quanto na defesa, e acabou eliminada da Copa do Brasil após a derrota por 2 a 0 no estádio de Pituaçu, com gols de Fabinho e Junior.

Com o resultado, construído aos 15 minutos do primeiro tempo com uma cabeçada do volante, e aos 25 do segundo, em lindo toque por cobertura do atacante, os tricolores igualam a campanha do ano passado, quando também chegaram às quartas.

Na próxima fase, a equipe encara o Grêmio, que venceu suas duas partidas contra o Fortaleza. O primeiro jogo será no mesmo Pituaçu, enquanto a volta será no estádio Olímpico.

O Jogo – O primeiro tempo de partida começou com os donos da casa pressionado os visitantes, adiantando a marcação e sem deixar Maylson e Henrique, os homens de criação rubro-verdes, construir os lances à vontade. Tudo isso embalado pela frase de seu técnico, Paulo Roberto Falcão, que disse ‘vamos ganhar os dois’ antes do apito inicial, lembrando do duelo com o Vitória no final de semana, pelo Estadual.

Com forte ritmo imposto, o Tricolor não demorou muito para abrir o placar. Aos 15 minutos de bola rolando, Gabriel bateu escanteio pela direita na cabeça do volante Fabinho, que nem precisou pular para acertar uma bela testada na bola e vazar o goleiro Weverton.

Depois de fazer o 1 a 0, porém, o Bahia diminuiu bastante a força com que agredia a Lusa, dando espaço para os paulistas, principalmente com os avanços de Raí, chegar próxima ao gol de Marcelo Lomba.

A melhor chance até o intervalo, no entanto, ainda foi dos mandantes. Titi desarmou no campo de defesa e partiu em velocidade. O zagueiro tabelou com Lulinha e recebeu bola açucarada, cara a cara com Weverton, mas tentou uma bola por cobertura e mandou fácil para o arqueiro.

No segundo tempo, a Lusa até tentou uma pressão inicial e chegou perto do empate em cabeçada de Ananias, mas uma falha dupla dos zagueiros ocasionou o segundo gol dos donos da casa.

Após lançamento, Rogério caiu na disputa de corrida com Junior, Depois, Renato tentou afastar e acabou acertando o centroavante adversário, que aproveitou a bola na sua frente e, com muita categoria, tocou por cima de Weverton, marcando um belo gol.

Na sequência, Rogério ainda puxou Vander em contra-ataque e foi expulso, facilitando ainda mais a vida dos anfitriões. Os comandados de Falcão, por sinal, só não ampliaram devido a duas boas defesas do goleiro paulista.