Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Dracena mira gols fora de casa e pede inteligência contra Bolívar

O Santos enfrenta o Bolívar (Bolívia), na noite desta quarta-feira, em La Paz, no jogo de ida das oitavas de final da Copa Libertadores da América. Com o objetivo de ajudar a sua equipe a conquistar um bom resultado na capital boliviana, o zagueiro Edu Dracena acredita que o Peixe não deve fugir as suas características, apresentando um futebol ofensivo neste confronto, mesmo jogando na altitude de 3.660 metros de La Paz.

‘O time tem que entrar ligado, concentrado no que vai fazer. Todo mundo precisa fazer a sua parte. Mas, apesar de sabermos das dificuldades que vamos encontrar e da qualidade do adversário, tenho certeza de que faremos um bom jogo. Tentaremos, principalmente, marcar gols fora de casa, o que é muito importante pensando na partida de volta’, afirmou o capitão santista.

Indagado se a derrota para o Strongest (Bolívia), no mesmo estádio em que o Alvinegro Praiano irá jogar nesta quarta, o Hernando Siles, na estreia da Libertadores, poderia servir de parâmetro para o duelo contra La Academia, Edu Dracena rejeitou a hipótese.

Para o zagueiro, o Santos evoluiu em relação ao começo da temporada e, por isso, se mostrou bastante confiante em um bom resultado, mesmo atuando em La Paz. ‘É totalmente diferente (a situação). Aquele era o primeiro jogo da Libertadores, hoje estamos numa fase melhor. Nós vivemos um bom momento, com o time mostrando um grande futebol. Estamos tendo mais a posse de bola, sabendo a hora de atacar e de se defender também. E vamos procurar aproveitar isso para fazer um bom resultado na Bolívia’, concluiu Dracena.