Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Derrotado na estreia, Juninho espera se vingar do Corinthians

O Vasco está trabalhando para o importante duelo contra o Corinthians, neste domingo, em São Januário, pelo Campeonato Brasileiro. Uma vitória vai fazer os cruzmaltinos abrirem vantagem na liderança da competição e para o meia Juninho será a chance de vingar a derrota para o rival em sua volta ao clube, no turno, em São Paulo.

‘Foi minha estreia, marquei um gol, mas não foi suficiente para ganharmos. O Corinthians saiu vencedor e está na briga até agora nas primeiras posições. Naquele momento o Vasco teve boa atuação, ainda mais porque a equipe estava vindo da conquista da Copa do Brasil. Agora, prefiro não marcar e o Vasco saia vencedor do confronto’, disse.

Juninho fez questão de elogiar o rival e apontou os pontos fortes do clube paulista. O meia também comentou sobre o apoio que a torcida corintiana.

‘O Corinthians é uma boa equipe e costuma aproveitar as chance de gol. Sei que será uma partida muito boa e todos no Vasco vão em busca da vitória para abrir cinco pontos sobre eles. A equipe deles gosta de parar as jogadas com faltas, para não sofrer os contra-ataques e não tem a preocupação da torcida vaiar, pois dificilmente elas vaia a equipe durante os jogos. Com isso, o Corinthians costuma se arriscar mais durante os jogos’, declarou.

O experiente jogador também rasgou elogios ao seu companheiro, Diego Souza, que vive grande momento na temporada. Juninho explicou que ouviu o camisa 10 pedir o passe na partida contra o Cruzeiro, quando fez um golaço sobre os mineiros.

‘O Diego Souza é um grande jogador e vem fazendo gols importantes nesta últimas partidas. Já voltei há alguns meses e sei como jogar com os demais jogadores do time. No lance contra o Cruzeiro, eu escutei ele gritar uma vez só e já sabia onde ele estava. O Diego Souza tem a capacidade de prever as jogadas e isso facilita para a gente’, comentou.

Sobre a possível volta de Felipe ao time, Juninho afirmou que o técnico Cristovão Borges vai ter que achar um espaço para o experiente meia pela sua qualidade.

‘O Felipe é um dos líderes do elenco e o Cristovão vai ter que ver como vai utilizá-lo na equipe. Temos que ver como será, pois o Felipe está voltando de uma cirurgia, mas é um importante jogador para a gente’, finalizou.