Ciclista iraniano morre após acidente em prova de estrada

Bahman Golbarnezhad, de 48 anos, caiu durante uma descida e bateu a cabeça em uma pedra.

O ciclista iraniano Bahman Golbarnezhad, de 48 anos, morreu neste sábado após sofrer um grave acidente na prova de ciclismo de estrada C4-5 dos Jogos Paralímpicos do Rio de Janeiro, realizada no Recreio dos Bandeirantes, Zona Oeste da cidade. De acordo com informações do Globo Esporte, o atleta caiu fora do trajeto durante uma descida e bateu com a cabeça em uma pedra.

Golbarnezhad chegou a ser levado a um hospital na Barra da Tijuca, mas sofreu uma parada cardíaca no caminho e não resistiu. Ainda hoje será feita uma homenagem ao iraniano na Vila dos Atletas.

Na última quarta-feira, o atleta participou de outra prova do ciclismo de estrada, a de contrarrelógio, no mesmo trajeto onde sofreu o acidente, e terminou em 14º lugar. Ele também disputou os Jogos Paralímpicos de Londres, em 2012.

A classe C4, da qual Golbarnezhad fazia parte, é a de maior grau de deficiência do ciclismo de estrada da Paralimpíada. Geralmente, o atleta tem um dos membros amputados.

(Com Estadão Conteúdo)