Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Atuação de Messi aumenta vantagem do argentino no Troféu Efe

Madri, 10 abr (EFE).- Mais uma grande atuação do argentino Lionel Messi, do Barcelona, na vitória por 4 a 1 sobre o Zaragoza, aumentou ainda mais sua vantagem na liderança do Troféu Efe, que premia o melhor jogador das Américas no Campeonato Espanhol.

Os dois gols na partida de sábado renderam ao meia nota 7. Seu principal concorrente, o também argentino Gonzalo Higuaín passou em branco no confronto do Real Madrid contra o Valencia e recebeu nota 6.

O melhor brasileiro da rodada foi Diego Costa, do Rayo Vallecano, que recebeu nota 7 ao balançar as redes na goleada de 6 a 0 sobre o Osasuna. Outro destaque nacional é o meia Kaká, do Real Madrid, que ao atuar no domingo, atingiu o número de 25 partidas, mínimo para concorrer ao prêmio, e subiu para a terceira posição geral.

Pontuação dos 10 primeiros e dos brasileiros na 33ª rodada do Campeonato Espanhol (a 20ª ainda não foi disputada devido à greve de jogadores):.

Carlos Vela (MEX, Real Sociedad) 7.

Lionel Messi (ARG, Barcelona) 7.

Tino Costa (ARG, Valencia) 7.

DIEGO COSTA (BRA, Rayo Vallecano) 7.

MARCELO (BRA, Real Madrid) 7.

Roque Santa Cruz (PAR, Betis) 7.

Ángel Di María (ARG, Real Madrid) 7.

Fernando Amorebieta (VEN, Athletic de Bilbao) 7.

Gonzalo Higuaín (ARG, Real Madrid) 6.

Falcao Garcia (COL, Atlético de Madrid) 6.

GUILHERME SIQUEIRA (BRA, Granada) 6.

DIEGO (BRA, Atlético de Madrid) 6.

JÚLIO CÉSAR (BRA, Granada) 6.

KAKÁ (BRA, Real Madrid) 6.

WELIGTON (BRA, Málaga) 6.

DANIEL ALVES (BRA, Barcelona) 6.

PHILLIPPE COUTINHO (BRA, Espanyol) 6.

PAULÃO (BRA, Betis) 6.

NILMAR (BRA, Villarreal) 5.

ADRIANO (BRA, Barcelona) 5.

PEDRO BOTELHO (BRA, Levante) 5.

FILIPE LUIS (BRA, Atlético de Madrid) 4.

MIRANDA (BRA, Atlético de Madrid) 3.

ROVERSIO (BRA, Osasuna) 3.

Classificação dos dez primeiros e dos brasileiros no geral após a 29ª rodada (entre parênteses está o número de jogos disputados):.

Para que a classificação final seja mais justa, o vencedor será determinado segundo a média entre a pontuação total dada ao jogador e o número de partidas disputadas, com um mínimo de 25 (dois terços do campeonato).

Lionel Messi (ARG, Barcelona) 197 (30) 6,56.

Gonzalo Higuaín (ARG, Real Madrid) 187 (29) 6,44.

KAKÁ (BRA, Real Madrid) 157 (25) 6,28.

MARCELO (BRA, Real Madrid) 166 (27) 6,14.

Falcao Garcia (COL, Atlético de Madrid) 162 (27) 6,00.

Carlos Vela (MEX, Real Sociedad) 160 (27) 5,92.

DANIEL ALVES (BRA, Barcelona) 160 (28) 5,71.

Gary Medel (CHI, Sevilla) 152 (27) 5,62.

Gustavo Munúa (URU, Levante) 171 (31) 5,51.

Willy Caballero (ARG, Málaga) 154 (28) 5,50.

FILIPE LUIS (BRA, Atlético de Madrid) 159 (29) 5,48.

IRINEY (BRA, Betis) 145 (27) 5,37.

GUILHERME SIQUEIRA (BRA, Granada) 156 (29) 5,37.

JONAS (BRA, Valencia) 148 (28) 5,28.

Jogadores que não chegaram aos 25 jogos:.

DIEGO (BRA, Atlético de Madrid) 141 (23).

Javier Maschereno (ARG, Barcelona) 139 (24).

Fernando Amorebieta (VEN, Athletic de Bilbao) 132 (24).

Alexis Sánchez (CHI, Barcelona) 123 (21).

Juan Forlín (ARG, Espanyol) 116 (24).

Tino Costa (ARG, Valencia) 115 (21).

Ángel Di María (ARG, Real Madrid) 114 (17).

Emiliano Armenteros (ARG, Sevilla e Rayo Vallecano) 111 (24).

MIRANDA (BRA, Atlético de Madrid) 110 (23).

Bernardo Espinoza (COL, Racing Santander) 110 (22).

ADRIANO (BRA, Barcelona) 98 (19).

NILMAR (BRA, Villarreal) 87 (17).

PEDRO BOTELHO (BRA, Rayo Vallecano e Levante) 86 (17).

WELIGTON (BRA, Málaga) 76 (14).

DIEGO ALVES (BRA, Valencia) 67 (11).

ROVERSIO (BRA, Osasuna) 63 (13).

DIEGO COSTA (BRA, Rayo Vallecano) 63 (10).

PHILLIPPE COUTINHO (BRA, Espanyol) 58 (10).

PAULÃO (BRA, Betis) 55 (10).

PAULO ASSUNÇÃO (BRA, Atlético de Madrid) 46 (9).

JOÃO VICTOR (BRA, Mallorca) 44 (9).

JÚLIO CÉSAR (BRA, Granada) 43 (9).

MAXWELL (BRA, Barcelona) 40 (7).

JULIO BAPTISTA (BRA, Málaga) 25 (4).

HENRIQUE (BRA, Granada) 20 (5). EFE