Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Após punição da Uefa, CAS recoloca Bursaspor na próxima edição da Liga Europa

Redação Central, 22 jun (EFE).- A Corte Arbitral do Esporte (CAS) reconduziu o Bursaspor a próxima edição da Liga Europa, após punição da Uefa, pelo descumprimento as normas de licenças da entidade e o fair play financeiro.

A punição ficou suspensa pelo período de três anos. Segundo o CAS, o Bursaspor terá que pagar multa de 250 mil euros (mais de R$ 640 mil), mas foi confirmado na competição continental, para o qual se classificou através do Campeonato Turco, após terminar na quinta colocação.

O clube apresentou recurso ao CAS no último dia 8, que resultou em uma audiência entre as partes em Lausanne, na Suíça, realizada nesta quinta-feira.

A Uefa determinou em fevereiro que o Bursaspor havia descumprido as regras. Inicialmente, a Comissão de Controle e Disciplina não suspendeu imediatamente a equipe, o que acontece depois do julgamento no Comitê de Apelação.

Segundo a entidade que gere o futebol na Europa, em junho de 2011 o Bursaspor tinha dívida aproximada de 300 mil euros (mais de R$ 768 mil), com jogadores de clubes, por transferências desde 2007.

Com o retorno do clube a terceira fase de qualificação da Liga Europa, o Istanbul B.B. deve perder a vaga no torneio. O quarto colocado do Campeonato Turco, o Besiktas, também perdeu sua vaga no torneio, e deve ser substituído pelo Eskisehirspor. EFE