Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Príncipe Albert de Mônaco e mulher processam revista

'L'Express' divulgou a informação, pouco antes do casamento, que a noiva teria tentado fugir de Mônaco

O príncipe Albert II e Charlene de Mônaco abriram um processo contra revista francesa L’Express por ter difundido, em 28 de junho, rumores sobre supostas brigas do casal em sua edição on-line. A informação foi divulgada pelo advogado do casal, Thierry Lacoste.

“O processo foi aberto por causa do ataque à vida privada e a publicação de fatos inexatos relativos à vida privada”, explicou Lacoste. Dias antes do casamento de Albert II e Charlene, um artigo da L’Express tinha como manchete “Albert-Charlene: um matrimônio em perigo”, um texto que falava sobre uma possível briga do casal e a possibilidade de Charlene ter tentando deixar o principado e retornar à África do Sul, seu país de origem.

O palácio e os príncipes desmentiram esses rumores que falavam que Charlene teria tentado fugir dias antes do casamento porque teria descoberto um novo filho bastardo de seu noivo.